ETHICS AND HUMANIZATION OF SERVICE IN A PRE-HOSPITAL CARE: WHAT DO YOU THINK HEALTH CARE PROFESSIONALS

Main Article Content

Júlio César Batista Santana
Roberto Carlos Lyra da Silva
Vanessa Aparecida Gomes de Souza
Ana Paula Rocha Matos da Graças
Márcia Maria de Oliveira
Camila Parreiras Tálamo

Resumo

Objetivo: Descrever o que pensam os profissionais de saúde do serviço de atendimento pré-hospitalar móvel sobre humanização e a ética no atendimento às vítimas.

Metodologia: O método é qualitativo. Estudo é de natureza descritiva exploratória. Foram entrevistados dezessete profissionais do serviço de atendimento móvel de urgência (SAMU) do município de Sete Lagoas. A coleta de dados foi realizada nos meses de maio a julho de 2010, através de uma entrevista não estruturada contemplando a seguinte questão: O que você pensa a respeito da ética e humanização da assistência no serviço de atendimento pré-hospitalar?  Os dados foram analisados e discutidos a luz dao análise de conteúdo proposta por Bardin.

Resultado: Emergiram cinco categorias temáticas: 1) trabalho em equipe: aspecto fundamental na abordagem ética e humana do cuidar; 2) respeitar os limites quando não mais existe perspectiva de vida; 3) conciliar o atendimento tecnicista com uma visão humanitária; 4) desafios ao lidar com vítimas agressoras e familiares; 5) necessidade de abrir espaços para refletir a prática do cotidiano laboral.

Conclusão: Os dados revelam que o trabalho em equipe é fundamental para o processo de humanização e ética do cuidar, é possível conciliar o lado técnico com o humano, porém esse objetivo às vezes não é alcançado devido certas particularidades do atendimento pré-hospitalar. Os limites de vida nem sempre são respeitados e existem desafios a serem superados em relação às vítimas agressoras e os familiares.

Descritores: Atendimento pré-hospitalar, humanização, ética, vítima, cuidado de enfermagem.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Article Details

Como Citar
1.
Santana JCB, Silva RCL da, Souza VAG de, Graças APRM da, Oliveira MM de, Tálamo CP. ETHICS AND HUMANIZATION OF SERVICE IN A PRE-HOSPITAL CARE: WHAT DO YOU THINK HEALTH CARE PROFESSIONALS. R. pesq. cuid. fundam. online [Internet]. 13º de agosto de 2012 [citado 17º de janeiro de 2022];4(4):2744-5. Disponível em: http://seer.unirio.br/cuidadofundamental/article/view/1746
Seção
Research
Biografia do Autor

Júlio César Batista Santana, Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais

Doutorando em Bioética. Mestre em Bioética - Centro Universitário São Camilo- São Paulo.  Professor da PUC Minas, UNIFEMM, Faculdade Ciências da Vida Sete Lagoas, Coordenador dos Cursos de Pós-Graduação Lato Sensu: Saúde da Família, Enfermagem em UTI adulto, Enfermagem em UTI Pediátrica e Neonatal, Enfermagem em Urgência, Emergência e Trauma do Instituto de Educação Continuada da Pontifícia Universidade Católica – IEC-PUC.

Roberto Carlos Lyra da Silva, Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro

Doutor em Enfermagem. Professor Adjunto do Departamento de Enfermagem Fundamental da Escola de Enfermagem Alfredo Pinto da Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - UNIRIO.

Vanessa Aparecida Gomes de Souza, Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais

Enfermeira pela Faculdade Ciências da Vida. Sete Lagoas. Aluna do curso de especialização em Enfermagem em Urgência, Emergência e Trauma IEC PUC Minas.

Ana Paula Rocha Matos da Graças, Faculdade Ciências da Vida

Enfermeira pela Faculdade Ciências da Vida. Sete Lagoas.

Márcia Maria de Oliveira, Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais

Enfermeira. Especialista em Urgência, Emergência e Trauma pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais. IEC PUC MINAS.

Camila Parreiras Tálamo, Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais

Enfermeira. Especialista em Urgência, Emergência e Trauma pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais. IEC PUC MINAS.

Plum Analytics

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)