Enfermagem e o processo de desinstitucionalização no âmbito da saúde mental: revisão integrativa Nursing and the deinstitutionalization process in the mental health scope: integrative review

Main Article Content

João Mário Pessoa Júnior
Francisco de Sales Clementino
Raionara Cristina de Araújo Santos
Allyne Fortes Vitor
Francisco Arnoldo Nunes de Miranda

Resumo

Objetivo: Sintetizar o conhecimento produzido sobre a atuação da enfermagem no processo de desinstitucionalização no âmbito da saúde mental. Método: Trata-se de revisão integrativa da literatura realizada a partir de busca on-line de estudos nas bases de dados: CINAHL, Scopus e LILACS. Identificou-se o total de 72 artigos, dos quais, sete foram incluídos na revisão, mediante leitura dos títulos, resumos e os critérios de inclusão e exclusão adotados. Resultados: A partir da síntese dos estudos, observou-se que a atuação de enfermagem frente ao processo de desinstitucionalização em saúde mental tem priorizado atividades terapêuticas interdisciplinares voltadas à reinserção dos pacientes com transtornos mentais no convívio familiar e na sociedade. Conclusão: O processo de cuidar em saúde mental realizado pela enfermagem exige cada vez mais iniciativa, criatividade e o estabelecimento de vínculos afetivos e sociais, até conceitos teóricos e científicos da profissão.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Article Details

Como Citar
1.
Pessoa Júnior JM, Clementino F de S, Santos RC de A, Vitor AF, Miranda FAN de. Enfermagem e o processo de desinstitucionalização no âmbito da saúde mental: revisão integrativa Nursing and the deinstitutionalization process in the mental health scope: integrative review. R. pesq. cuid. fundam. online [Internet]. 11º de julho de 2017 [citado 26º de setembro de 2022];9(3):893-8. Disponível em: http://seer.unirio.br/cuidadofundamental/article/view/4475
Seção
Integrative Review of the Literature
Biografia do Autor

João Mário Pessoa Júnior, Universidade Federal do Rio de Janeiro

Enfermeiro. Doutor em Enfermagem pelo Programa de Pós-Gradução em Enfermagem na Atenção à Saúde da Universidade Federal do Rio Grande do Norte. Professor do Cruso de Enfermagem e Obstetrícia da Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Francisco de Sales Clementino, Universidade Federal de Campina Grande

Enfermeiro. Doutor em Enfermagem pelo Programa de Pós-Gradução em Enfermagem na Atenção à Saúde da Universidade Federal do Rio Grande do Norte. Professor do Cruso de Enfermagem e Obstetrícia da Universidade Federal de Campina Grande.

Raionara Cristina de Araújo Santos, Universidade de São Paulo

Enfermeira. Doutora em Enfermagem pelo Programa de Pós-Gradução em Enfermagem na Atenção à Saúde da Universidade Federal do Rio Grande do Norte.

Allyne Fortes Vitor, Universidade Federal do Rio Grande do Norte

Enfermeira. Doutora em Enfermagem. Professoa da Graduação e Pós-Graduação em Enfermagem do Departamento de Enfermagem da Universidade Federal do Rio Grande do Norte.

Francisco Arnoldo Nunes de Miranda, Universidade Federal do Rio Grande do Norte

Enfermeiro. Doutora em Enfermagem. Professo da Graduação e Pós-Graduação em Enfermagem do Departamento de Enfermagem da Universidade Federal do Rio Grande do Norte. Bolsista Produtividade do CNPQ.

Plum Analytics

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

<< < 1 2 3 > >>