Perception of nursing workers about the workloads in a neonatal intensive care unit / Percepção dos trabalhadores de enfermagem acerca das cargas de trabalho em uma unidade de terapia intensiva neonatal

Main Article Content

Renata da Silva Michaello
Jamila Geri Tomaschewski-Barlem
http://orcid.org/0000-0001-9125-9103
Deciane Pintanela de Carvalho
http://orcid.org/0000-0003-1598-6602
Laurelize Pereira Rocha
http://orcid.org/0000-0001-9334-6550
Simoní Saraiva Bordignon
Bruna Ruoso da Silva Neutzling

Resumo

Objetivo: Conhecer a percepção dos trabalhadores de enfermagem acerca das cargas de trabalho em uma Unidade de Terapia Intensiva Neonatal. Método: Estudo qualitativo com 24 trabalhadores de enfermagem em uma unidade de Terapia Intensiva Neonatal em um hospital universitário, em junho de 2017, por meio de entrevistas semiestruturadas e analisadas por análise textual discursiva. Resultados: Verificou-se que os trabalhadores de enfermagem percebem sua exposição às cargas de trabalho e as relacionam com a ocorrência de acidentes e doenças de trabalho. As cargas psíquicas foram as mais representativas no ambiente de trabalho, entretanto, destaca-se a relação identificada pelos trabalhadores entre as cargas químicas e os produtos utilizados na limpeza das incubadoras. Conclusão: O reconhecimento das cargas de trabalho oportuniza a criação de medidas que possam minimizá-las durante a assistência de recém-nascidos em cuidado intensivo, visando à saúde do trabalhador.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Article Details

Como Citar
1.
Michaello R da S, Tomaschewski-Barlem JG, Carvalho DP de, Rocha LP, Bordignon SS, Neutzling BR da S. Perception of nursing workers about the workloads in a neonatal intensive care unit / Percepção dos trabalhadores de enfermagem acerca das cargas de trabalho em uma unidade de terapia intensiva neonatal. R. pesq. cuid. fundam. online [Internet]. 1º de maio de 2021 [citado 19º de janeiro de 2022];12:54-61. Disponível em: http://seer.unirio.br/cuidadofundamental/article/view/6983
Seção
Research
Biografia do Autor

Renata da Silva Michaello, Universidade Federal do Rio Grande

Enfermeira (egressa). Universidade Federal do Rio Grande, Rio Grande do Sul, Brasil.

Jamila Geri Tomaschewski-Barlem, Universidade Federal do Rio Grande

Enfermeira. Doutora em Enfermagem. Docente da Escola de Enfermagem. Universidade Federal do Rio Grande, Rio Grande do Sul, Brasil.

Deciane Pintanela de Carvalho, Universidade Federal do Rio Grande

Enfermeira. Doutoranda em Enfermagem pelo Programa de Pós-Graduação em Enfermagem. Universidade Federal do Rio Grande, Rio Grande, RS, Brasil.

Laurelize Pereira Rocha, Universidade Federal do Rio Grande

Enfermeira. Doutora em Enfermagem. Docente da Escola de Enfermagem. Universidade Federal do Rio Grande, Rio Grande do Sul, Brasil.

Simoní Saraiva Bordignon, Universidade Federal do Rio Grande

Enfermeira. Doutora em Enfermagem. Professora substituta da Escola de Enfermagem. Universidade Federal do Rio Grande, Rio Grande do Sul, Brasil.      

Bruna Ruoso da Silva Neutzling, Universidade Federal do Rio Grande

Enfermeira (egressa). Universidade Federal do Rio Grande, Rio Grande do Sul, Brasil.

Plum Analytics

Referências

Carvalho DP, Rocha LP, Tomaschewki-Barlem JG, Dias JS, Schallenberger CD. Workloads and nursing workers’ health: integrative review. Cogitare Enferm [Internet]. 2017 [cited 2017 Nov. 16]; 22(1): 01-10. Avaiable at: http://dx.doi.org/10.5380/ce.v22i1.46569 2. Rocha LP, Cezar-Vaz MR, Almeida MCV, Borges AM, Silva MS, Sena-Castanheira J. Workloads and occupational accidents in a rural environment. Texto Contexto Enferm [Internet]. 2015 [cited 2017 Nov. 16];24(2):325-35. Available at: http://dx.doi.org/10.1590/010407072015000480014 3. Kirchhof ALC, Lacerda MR, Sarquis LMM, Magnago TSB, Gomes IM. Compreendendo cargas de trabalho na pesquisa em saúde ocupacional na enfermagem. Colomb Med. [Internet]. 2011 [cited 2017 Nov. 16];42(Supl1):113-9. Available at: http://www.scielo.org.co/ pdf/cm/v42n2s1/v42n2s1a14.pdf 4. Silva SM, Baptista PCP, Felli VEA, Martins AC, Sarquis LMM, Mininel VA. Intervention strategies for the health of university hospital nursing staff in Brazil. Rev. Latino-Am. Enfermagem [Internet]. 2013 [cited 2017 Nov. 16];21(1):9 telas. Available at: http://dx.doi.org/10.1590/ S0104-11692013000100003 5. Santana LL, Sarquis LMM, Miranda FMD, Kalinke LP, Felli VEA, Mininel VA. Health indicators of workers of the hospital area. Rev. Bras. Enferm. [Internet]. 2016 [cited 2017 Nov. 16];69(1):23-32. Available at: http://dx.doi.org/10.1590/0034-7167.2016690104i 6. Branco LLWV, Beleza LO, Luna AA. Nursing workload in neonatal ICU: application of the nursing activities score tool. Rev Fund Care Online [Internet]. 2017 [cited 2017 Nov.16]; 9(1):144-151. Available at: http://dx.doi.org/10.9789/2175-5361.2017.v9i1.144-151 7. Beltrão MIC, Oliveira KCN, Bastos MLA, Lúcio IML. Nursing team of a newborn intensive care unit: limits and possibilities to comprehensive assistance. J Nurs UFPE on line [Internet]. 2014 [cited 2017 Nov.16]; 8(7):2205-13. Available at: http://dx.doi.org/10.5205/ reuol.5927-50900-1-SM.0807suppl201402 8. Moraes R, Galiazzi MC. Análise Textual Discursiva. 2. ed. rev. Ijuí:

Ed. Unijuí, 2013. 9. Laurell, A. C.; Noriega, M. Processo de produção e saúde. Trabalho e desgaste operário. São Paulo: Cebes – Hucitec, 1989. 10. Tomazoni A, Rocha PK, Ribeiro MB, Serapião LS, Souza S, Manzo BF. Segurança do paciente na percepção da enfermagem e medicina em unidades de terapia intensiva neonatal. Rev Gaúcha Enferm [Internet]. 2017[cited 2017 Nov. 16];38(1):e64996. Available at: http://dx.doi. org/10.1590/1983-1447.2017.01.64996 11. Rodrigues TDF. Fatores estressores para a equipe de enfermagem da Unidade de Terapia Intensiva. Rev. Min. Enferm [Internet]. 2012 [cited 2017 Nov. 16];16(3): 454-462. Available at: http://www.dx.doi. org/S1415-27622012000300018

Monteiro JK, Oliveira ALL, Ribeiro CS, Grisa GH, Agostini N. Adoecimento Psíquico de Trabalhadores de Unidades de Terapia Intensiva. Psicol. cienc. prof. [Internet] 2013 [cited 2017 Nov. 16]; 33 (2), 366-379. Available at: http://dx.doi.org/10.1590/S141498932013000200009 13. Monteiro CR, Faro ACM. Sintomas osteomusculares em trabalhadores de enfermagem de uma unidade neonatal, UTI neonatal e banco de leite humano. Rev Bras Med Trab [Internet]. 2015[cited 2017 Nov. 16];13(2):83-90. Available at: http://files.bvs.br/ upload/S/1679-4435/2015/v13n2/a5234.pdf 14. Flôr RC, Gelbcke FL. Analysis of workloads due to the praxis of nursing aiming the hemodynamic service. Rev enferm UFPE on line. [Internet] 2013 [cited 2017 Nov. 16]; 7(esp):7034-41. Available at: http://dx.doi.org/10.5205/reuol.4767-42136-1-ED.0712esp201310 15. Costa TF, Felli VEA, Baptista PCP. Nursing workers’ perceptions regarding the handling of hazardous chemical waste. Rev Esc Enferm USP [Internet] 2012 [cited 2017 Nov. 16];46(6):1453-61. Available at: http://dx.doi.org/10.1590/S0080-62342012000600024 16. Felli VEA, Costa TF, Baptista PCP, Guimarães ALO, Anginoni BM. Exposure of nursing workers to workloads and their consequences. Rev Esc Enferm USP [Internet]. 2015 [cited 2017 Nov. 16]; 49(Esp2):98-105. Available at: http://dx.doi.org/10.1590/S0080623420150000800014 17. Sarquis LMM, Baptista PCP, Mininel VA, Silva FJ, Felli VEA. Exposure to biological material: consequences for nursing professionals. Cienc Cuid Saude [Internet] 2013 [cited 2017 Nov. 16];12(4):697-703. Available at: DOI 10.4025/cienccuidsaude.v12i4.14742 18. Nazario AP, Santos VCBJ, Rossetto EG, Souza SNDH, Amorim NEZ, Scochi CGS. Avaliação dos ruídos em uma unidade neonatal de um hospital universitário. Semina: Ciências Biológicas e da Saúde [Internet] 2015 [cited 2017 Nov. 16];36(1):189-198. Available at: http:// dx.doi.org/10.5433/1679-0367.2014v35n2p189 19. Santana LL, Miranda FMD, Karino ME, Baptista PCP, Felli VEA, Sarquis LMM. Description of workloads and fatigue experienced among health workers in a teaching hospital. Rev Gaúcha Enferm [Internet]. 2013[cited 2017 Nov. 16];34(1):64-70. Available at: http:// dx.doi.org/10.1590/S1983-14472013000100008

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)