Knowledge, Behaviour and Health Practices of Men Concerning the Prostate Cancer / Conhecimento, Comportamento e Práticas em Saúde do Homem em Relação ao Câncer de Próstata

Main Article Content

Jossiana Wilke Faller
Roberta Menezes
Mariana Menezes
Elen Ferraz Teston
Silvia Matumoto

Resumo

Objetivo: Descrever o conhecimento, o comportamento e as práticas em relação ao câncer de próstata em adultos. Métodos: Estudo quantitativo, realizado com 130 homens. A coleta de dados ocorreu no primeiro semestre de 2015, por meio do Modelo de Crenças em Saúde. Resultados: Embora relatem conhecimento sobre o câncer, 30% realizam a dosagem do Antígeno Prostático Específico e 17,6% o exame de toque retal anualmente. A maioria percebe a susceptibilidade e a severidade do câncer e acredita que é capaz de fazer algo por si mesmo, beneficiando-se com esses cuidados. Quanto às barreiras, 16,9% apresentaram comportamento não preventivo. Conclusão: O medo da dor, a vergonha e a falta de coragem para realizar o exame constituem barreiras a esses indivíduos. A equipe de saúde deve oportunizar abordagens considerando esses aspectos, utilizando estratégias que ampliem o acesso dos homens ao serviço de saúde e estimulem a prática do autocuidado.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Article Details

Como Citar
1.
Faller JW, Menezes R, Menezes M, Teston EF, Matumoto S. Knowledge, Behaviour and Health Practices of Men Concerning the Prostate Cancer / Conhecimento, Comportamento e Práticas em Saúde do Homem em Relação ao Câncer de Próstata. R. pesq. cuid. fundam. online [Internet]. 4º de outubro de 2019 [citado 17º de maio de 2022];11(5):1173-9. Disponível em: http://seer.unirio.br/cuidadofundamental/article/view/7001
Seção
Research

Plum Analytics

Referências

Paz MFCJ, Montes BS, Rêgo Neto JJ, Tapety FI, Sousa CMM, Cavalcante AAMCMC. Correlações entre fatores de risco para o câncer de próstata: uma análise epidemiológica. J res fundam care Online. 2013 dec 5(6):187-99. Disponível em: http://www.seer.unirio.br/index.php/cuidadofundamental/article/view/3365/pdf_1146.

Czorny RCN, Pinto MH, Pompeo DA, Bereta D, Cardoso LV, Silva DM. Fatores de risco para o câncer de próstata: população de uma unidade básica de saúde. Cogitare Enferm; Curitiba, 2017; 22(4): e51823. Disponível em: http://www.saude.ufpr.br/portal/revistacogitare/wpcontent/uploads/sites/28/2017/10/51823-217936-1-PB.pdf.

https://doi.org/10.5380/ce.v22i4.51823

Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva (INCA) - Brasil. Estimativa 2016. Rio de Janeiro; 2014. Disponível em: http://www.inca.gov.br/estimativa/2016/index.asp?ID=1. Acesso em 4 dez. 2017.

Brasil. Ministério da Saúde. Secretária de atenção à saúde. Departamento de ações programáticas estratégicas. Política nacional de atenção integral à saúde do homem. Brasília; 2008. Disponível em: http://goo.gl/EsOlPB. Acesso em 27 jun. 2015.

Rocha EM, Medeiros ADL, Rodrigues KSLF, Cruz JPMC, Siqueira MFC, Farias EFN et al. A política Nacional de saúde do homem e os desafios de sua implementação na Atenção Primária à saúde. Rev Eletrônica da UNIVAR. 2016; 15(1): 43-8. Disponível em: http://observatoriodasauderj.com.br/wp-content/uploads/2017/08/476-941-1-PB.pdf.

Sette NLF, Garcia LF, Santim AA. Análise de fatores associados a não adesão das mulheres ao exame preventivo de câncer de colo de útero: uma revisão bibliográfica. Revista UNIFEV: Ciência e Tecnologia. 2016; 1(1): 158-70. Disponível em: http://periodicos.unifev.edu.br/index.php/RevistaUnifev/article/view/226

Assis MMA, Jesus WLA. Acesso aos serviços de saúde: abordagens, conceitos, políticas e modelo de análise. Ciência & Saúde Coletiva, 2012

https://doi.org/10.1590/S1413-81232012001100002

PMid:23175292

(11): 2865-75. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/csc/v17n11/v17n11a02.pdf. Acesso em 5 dez 2017.

Malta DC, Bernal RTI, Lima MG, Araújo SSC, Silva MMA, Freitas MIF et al. Doenças crônicas não transmissíveis e a utilização dos serviços de saúde: análise da pesquisa nacional de saúde no Brasil. Rev Saude Publica. 2017; 51 Supl 1:4s. Disponível em: http://www.redalyc.org/html/672/67251395008/

Moura EC, Gomes R, Pereira GMC. Percepções sobre a saúde dos homens numa perspectiva relacional de gênero, Brasil, 2014. Ciênc. saúde coletiva. 2017

https://doi.org/10.1590/1413-81232017221.17482015

PMid:28076552

(1): 291-300. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-81232017000100291&lng=en. Acesso em 5 dez 2017.

Virgulino ALS. Comportamento de industriários quanto à prevenção do câncer da próstata. 2011. 126p. Dissertação de mestrado - Universidade Federal de Medicina da Bahia; Bahia. Disponível em: http://bancodeteses.capes.gov.br/. Acesso em 20 Jan. 2015.

Levorato CD, Mello LM, Silva AS, Nunes A.A. Fatores associados à procura por serviços de saúde numa perspectiva relacional de gênero. Ciência & Saúde Coletiva. 2014 abr 19(4): 1263-74. Disponível em: http://www.redalyc.org/html/630/63030543027/.

https://doi.org/10.1590/1413-81232014194.01242013

PMid:24820609

Tramonte MS, Silva PCS, Chubaci SR, Cordoba CCRC, Zucca-Matthes G, Vieira RAC. Atraso diagnóstico no câncer de mama em hospital público oncológico. Medicina (Ribeirão Preto) 2016; 49(5): 451-62. Disponível em: http://www.periodicos.usp.br/rmrp/article/view/125606/122539.

https://doi.org/10.11606/issn.2176-7262.v49i5p451-462

Ohl ICB, Ohl RIB, Chavaglia SRR, Goldman RE. Ações públicas para o controle do câncer de mama no Brasil: revisão integrativa. Rev Bras Enferm. 2016; 69(4): 793-803. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0034-71672016000400793&lng=en&nrm=iso.

https://doi.org/10.1590/0034-7167.2016690424i

PMid:27508487

Guedes M, Miranda FMA, Maziero ECS, Cauduro FLF, Cruz EDA. Adesão dos profissionais de enfermagem à higienização das mãos: uma análise segundo o modelo de crença em saúde. Cogitare Enferm. abr/jun 2012; 17(2): 304-9. Disponível em: http://goo.gl/0H4k3I.

https://doi.org/10.5380/ce.v17i2.27886

Mallmann DG, Galindo Neto NM, Sousa JC, Vasconcelos EMR. Educação em saúde como principal alternativa para promover a saúde do idoso. Ciênc saúde coletiva [online]. 2015; 20(6): 1763-72. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-81232015000601763&lng=en&nrm=iso.

https://doi.org/10.1590/1413-81232015206.02382014

PMid:26060954

Andrade RF. Monteiro AB. Fatores determinantes para criação da política nacional de Saúde do homem. PRACS: Revista eletrônica de humanidades do curso de ciência sociais da UNFAR. 2012; Macapá (5): 71-86. Disponível em: http://goo.gl/qn5Crg.

Freitas MEM, Soares T, Souza LPS, Alcântara DDF, Silva CSO, Barbosa HA. Rectal exam: the perception of men as their realization. Rev Enferm. UFPI. 2015; 4(4): 8-13. Disponível em: http://www.revistas.ufpi.br/index.php/reufpi/article/view/3461/pdf

https://doi.org/10.26694/reufpi.v4i4.3461

Silva TBC, MacDonald DJ, Ferraz VEF, Nascimento LC, Santos CB, Lopes-Junior LC, Santos MF. Percepção de causas e risco oncológico, história familiar e comportamentos oncogenético. Rev Esc Enferm USP. 2013; 47(2): 377-84. Disponível em: http://goo.gl/zPTmYC.

https://doi.org/10.1590/S0080-62342013000200015

PMid:23743904

Mata LRF. Efetividade de um programa de ensino para o cuidado domiciliar de pacientes submetidos à prostatectomia radical: ensaio clínico randomizado. 2013. 191p. Tese de pós- graduação - Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo. São Paulo. Disponível em: http://goo.gl/ysOcmY. Acesso em 28 Jun. 2017.

Baptista MN, Santos KM, Dias RR. Auto-eficácia, lócus de controle e depressão em mulheres com câncer de mama. Psicologia Argumento; Curitiba. 2016; jan/mar; 24(44): 27-36. Disponível em: https://periodicos.pucpr.br/index.php/psicologiaargumento/article/view/19909/19207.

https://doi.org/10.7213/rpa.v24i44.19909

Freitas JGA, Nielson SEO, Porto CC. Adesão ao tratamento farmacológico em idosos hipertensos: uma revisão integrativa da literatura. Rev Soc Bras Clin Med. 2015 jan/mar; 13(1): 75-84. Disponível em: http://files.bvs.br/upload/S/1679-1010/2015/v13n1/a4782.pdf.

Fernandes MV. O homem frente ao diagnóstico de câncer de próstata: procura por cuidado de saúde, 2012, 106 p. Dissertação de mestrado- Universidade Estadual de Londrina. Paraná. Disponível em: http://bancodeteses.capes.gov.br/.

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)