UMA VISÃO MULTIDISCIPLINAR SOBRE A REGULAÇÃO NO BRASIL

Ronaldo Viana Serpa

Resumo


Essa pesquisa tem por objetivo fazer uma análise multidisciplinar do tema regulação sob os aspectos da Administração Pública, Economia e Direito. O tema da regulação ganhou relevância nos estudos acadêmicos após a reforma do Estado em 1995. Esse estudo é um esforço histórico reflexivo sobre a regulação no Brasil. O estudo aponta ainda possíveis distorções, limites e efetividade dentro de cada espectro disciplinar pesquisado. É relatado ainda um breve histórico da evolução dos Estados e da formação do aparato regulatório no Brasil.

 


Palavras-chave


Estado - Regulação –-Administração Pública – Economia – Direito

Texto completo:

PDF

Referências


ARAGÃO, Alexandre dos Santos, Agências reguladoras e a evolução do direito administrativo econômico, 2 ed. Rio de Janeiro, Forense, 2003.

BAGATIN, Andreia Cristina, Captura das Agências Reguladoras, São Paulo, Saraiva, 2013.

BARCHET, Gustavo, Direito Administrativo: Teoria e questões, Rio de Janeiro, Elsevier, 2008.

BENJÓ, Isaac, Fundamentos de Economia de Regulação, Rio de Janeiro, Thex, 1999.

COSTA, Frederico Lustosa da; Reforma do Estado e Contexto Brasileiro: Crítica ao paradigma gerencialista, Rio de Janeiro, FGV, 2010.

COSTA, Frederico Lustosa, Reforma do Estado: restrições e escapismos no funcionamento das “agências autônomas”, Rio de Janeiro, Revista de Administração Pública 33(2), 191-199, 1999.

CUNHA, Paulo Cesar Melo da; Regulação Jurídica da Saúde Suplementar no Brasil, Rio de Janeiro, Lúmen Júris, 2003.

DUTRA, Pedro, Livre Concorrência e Regulação de Mercados, Rio de Janeiro, Renovar, 2003

GIAMBIAGI, Fabio et. al, Economia Brasileira Contemporânea, Rio de Janeiro, Elsevier, 2005.

HOBBES, Thomas, Leviatã, ou Matéria, forma e poder de um Estado eclesiástico e civil, 2 ed, São Paulo, Martin Claret, 2012.

LEHFELD, Lucas de Souza. Controle das Agências Reguladoras, São Paulo, Atlas, 2008.

LOCKE, John, Segundo Tratado Sobre o Governo, São Paulo, Martin Claret, 2002.

MAIA, Sinclair, Sem regra clara, agências reguladoras são dominadas por indicação política, 2018, https://exame.abril.com.br/brasil/sem-lei-agencias-reguladoras-sao-dominadas-por-indicacoes-politicas/ acesso em 09/09/2019 .

MARTINS, Paulo Emilio Matos, PIERANTI, Octavio Penna (orgs); Estado e gestão pública: visões do Brasil contemporâneo, 2 ed. Rio de Janeiro, FGV. 2006

MARTINS, Vinicius Alves Portela; Regulação e Defesa da Concorrência, Rio de Janeiro, Elsevier, 2014.

MONTONE, Januário; Planos de Saúde: passado e futuro, Rio de Janeiro, Medbook, 2009.

NASCIMNTO, Edson Ronaldo; Gestão Pública, São Paulo, Saraiva, 2010.

NASCIMENTO, Edson Ronaldo; Finanças Públicas, Brasília, Vestcon, 2005.

PAULO, Vicente; ALEXANDRINO, Marcelo; Direito Administrativo, Rio de Janeiro, Impetus, 2006.

PECI, Alketa (org); Regulação no Brasil, São Paulo, Atlas, 2007.

BRASIL, Plano Diretor da Reforma do Aparelho do Estado Brasília, 1995

PROENÇA, Jair Dias, COSTA, Patrícia Vieira da., MONTAGNER, Paula; Desafios da Regulação no Brasil, Brasília, ENAP, 2009.

RIANI, Flavio; Economia do Setor Público: Uma abordagem introdutória, Rio de Janeiro, Gen, 2016.

ROSSEAU, Jean Jacques; Do Contrato Social, São Paulo, Martin Claret, 2002

ROSSETTI, José Paschoal; Introdução à Economia, São Paulo, Atlas, 1994.

SILVA, Jose Afonso; Curso de Direito Constitucional Positivo, São Paulo, Malheiros, 2007.

WIZIACK, Julio, (2018, dezembro 2) Equipe de Bolsonaro estuda desaparelhar Agências Reguladoras, 2018, https://www.valor.com.br/politica/6008943/equipe-de-bolsonaro-estuda-como-desaparelhar-agencias-reguladoras, acesso em: 09/09/2019




Article Metrics

Metrics Loading ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2019 Caderno de Direito e Políticas Públicas

Indexado em: