The Importance of Parental Accompaniment During Postpartum and the Fatherhood / A Importância do Acompanhamento Paterno no Pós-Parto e o Exercício da Paternidade

Adriana Oliveira Nascimento, Paula Helena Rosa Marcelino, Roseane da Silva Vieira, Adriana Lemos

Resumo


A paternidade não deve ser tratada apenas do ponto de vista da obrigação legal, mas, sobretudo, como um direito do homem de participar de todo o processo. Objetivo: analisar a participação do homem no acompanhamento do pós-parto e sua relação com o exercício da paternidade. Método: trata-se de pesquisa documental com abordagem qualitativa, na qual se observou que mais da metade dos pais informantes participavam dos cuidados direta ou indiretamente, independente dos níveis de complexidade desses cuidados. Resultados: percebeu-se, então, que os pais estão mais participativos, o que leva a crer que o exercício da paternidade está rompendo, em certo ponto, com os modelos tradicionais de masculinidade que ainda perduram nos dias de hoje. Conclusão: Por isso, é de extrema relevância que os homens sejam incentivados a exercerem a paternidade, pois, através dela, eles contribuem para a desigualdade de gênero.


Palavras-chave


Paternidade; Direitos reprodutivos; Direitos sexuais e reprodutivos

Texto completo:

PDF-EN PDF-PT


DOI: http://dx.doi.org/10.9789/2175-5361.2019.v11i2.475-480 

Article Metrics

Metrics Loading ...

Metrics powered by PLOS ALM


Direitos autorais 2019 Revista de Pesquisa: Cuidado é Fundamental Online

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.

Novas regras para submissão de artigos na RPCFO a partir de 01/07/2018. Clique aqui.

O atendimento telefônico da secretaria funciona de 06:00 as 09:00, de segunda a sexta feira.

 

        

Crossref Metadata User Badge