FEMINILIDADE E SUJEITO: COMPREENSÃO PSICANALÍTICA DA PERSONAGEM MACABÉA

Silvânia Maria da Silva, Joyce Hilário Maranhão

Resumo


As repercussões sobre o feminino não deixam de ecoar entre os psicanalistas. Freud encontrou no feminino um enigma que faz nascer a Psicanálise e mesmo propondo caminhos para que a mulher venha a tornar-se um sujeito desejoso, não foi suficiente para esgotar essa temática. Interpelado pela questão da feminilidade a partir da obra literária “A hora da estrela” de Clarice Lispector, este estudo buscou interpretar a ascensão do sujeito e o posicionamento no feminino. A leitura do romance está orientada a partir dos textos de Freud e Lacan, aproximando a literatura da psicanálise. As discussões se direcionam para a análise de um sujeito que tropeça na linguagem e que tem dificuldades para assumir sua sexualidade, mas que, afinal, nos leva a saber que não há uma fuga de si mesmo.

Palavras-chave: Feminilidade. Constituição psíquica. Desejo. Psicanálise. Literatura.


Texto completo:

PDF


Direitos autorais 2019 Psicanálise & Barroco em Revista