PSICANÁLISE E DIREITO: UM ESTUDO SOBRE VIOLÊNCIA DOMÉSTICA

Rodrigo Octavio de Arvellos Espínola, Betty B. Fuks

Resumo


A violência doméstica contra a mulher não cedeu com as leis que recrudesceram a resposta penal. Neste cenário, a Psicanálise, que surge reconhecendo a violência que funda o sujeito, individual e coletivo, oferece opções que podem ser utilizadas no setting judicial. Neste artigo, abrimos um diálogo entre Psicanálise e Direito através da produção artística de grandes compositores que redirecionaram a pulsão de destruição, em um movimento sublimatório. O encontro heterodoxo entre Freud e o músico Mahler nos autoriza a fazer uma leitura sobre a evolução necessária para que a resposta do Direito à violência atinja níveis mais eficientes, baseados no saber psicanalítico.
PALAVRAS-CHAVE: violência; doméstica; Psicanálise; Direito; Mahler.


Texto completo:

PDF


Direitos autorais 2019 Psicanálise & Barroco em Revista