ARTE E EDUCAÇÃO ESTÉTICA COMO MOVIMENTO INSTITUINTE: PERSPECTIVAS PARA A FORMAÇÃO DO PEDAGOGO

Adrianne Ogêda Guedes, Letícia Serafim, Luciana Cunha Lauria da Silva, Silvanna Vianna

Resumo


Este artigo apresenta as ações de extensão e pesquisa do Projeto “Corpo, arte e natureza: investigando metodolgias de formação de professores”. Nossas ações sustentam-se nos estudos da dimensão estética da educação (DUARTE JR, 2004; FERREIRA, 2011; SOARES, 2008). A partir das investigações referentes ao campo da educação estética e do diálogo entre arte e educação, elaboramos um conjunto de oficinas e curso de extensão  com o objetivo de sensibilizar os participantes para as possibilidades de exercício da própria criatividade por meio de experiências artísticas e de ampliação do conhecimento do corpo e de suas possibilidades de movimento, relacionando tais vivências com os sentidos envolvidos na aprendizagem e formação do professor. Assim o presente trabalho apresenta os resultados parciais desta atividade de extensão que constitui-se também em pesquisa-ação realizada no ano de 2016 em pólos de educação à distância da UNIRIO. Percebemos que o desafio dos professores em formação é o de sensibilização para uma prática educativa que os proporcione alcançar, de forma progressiva, através de reflexões, pesquisas, análises, estudos e experiências o entendimento sensível de sua prática cotidiana visto que a educação só é significativa quando humaniza, liberta e proporciona amplitude da visão e da leitura do mundo. Neste sentido, este trabalho se entrelaça ao objetivo 4 da agenda 2030 da ONU pois, demonstra que ao perceber a educação como humanização do indivíduo o professor relaciona sua prática ao sentido da educação estética que tem como intuito a construção dos sentidos humanos que levem a uma aprendizagem relevante. Ao proporcionar o desenvolvimento da sensibilidade, tem-se como perspectiva levar a aprender a ver, ouvir, sentir, pensar e refletir o mundo por meio da educação estética pois, o simples exercício da atividade estética faz repensar a lógica da realidade, dos relacionamentos e dos sentimentos que estão atrelados à aprendizagem.

 


Texto completo:

PDF


Direitos autorais 2017 RAÍZES E RUMOS