Apresentação do Dossiê 9: Doença e Morte

Rachel Aisengart Menezes, Natalia Luxardo

Resumo


Redigimos esta apresentação em plena pandemia do covid-19. Ao lançarmos a chamada para o dossiê 9 da Revista M., com o tema “Doença e Morte”, não havia sombra ou sinal, tanto na imaginação e na fantasia quanto em dados observáveis ou observados e divulgados na mídia, do que viria a configurar a mais mortal das epidemias mundiais. Na chamada, afirmamos que em diferentes tempos, culturas, grupos e sociedades elaboraram – e elaboram – sistemas de classificação, leitura, entendimento e intervenção referentes ao que há algum tempo se convencionou chamar de saúde e, em oposição, doença. Com o processo de secularização iniciado há cerca de três séculos no Ocidente, à Medicina, baseada em saberes científicos, aos seus profissionais e instituições foram delegados os cuidados de doentes e, em especial, daqueles com enfermidades sem possibilidade de controle e/ou cura. Em suma, o processo do morrer passou a ser objeto de atenção e assistência de equipes de saúde, sobretudo a partir da segunda metade do século XX. A ênfase dos trabalhos apresentados nesse dossiê incide sobre a gestão da morte na instituição hospitalar, com artigos de autores procedentes de distintos países e regiões da América Latina.


Palavras-chave


Doença; Morte

Texto completo:

PDF

Referências


BURY, Michael. Chronic illness as biographical disruption. Sociology of Health and Illness. Online, v. 4, n. 2, jul. 1982, p. 167-182.

CONSELHO FEDERAL DE ENFERMAGEM (Cofen). Resolução Cofen nº 564, de 6 de novembro de 2017. Aprova o novo Código de Ética dos Profissionais de Enfermagem. Diário Oficial da União. Brasília, n. 233, 6 dez. 2017. Seção 1, p. 157. Disponível em: . Acesso: 20 nov. 2019.

LEVINAS, Emmanuel. Ética e infinito. Madrid: La balsa de la Medusa, 2000[1982].




DOI: http://dx.doi.org/10.9789/2525-3050.2020.v5i9.5-8

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

Creative Commons License Todo o conteúdo do periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons