Cruzar oceanos para salvar almas

William de Souza Martins

Resumo


Resenha do livro:

SÁ, Isabel dos Guimarães. O regresso dos mortos: os doadores da Misericórdia do Porto e a expansão oceânica (séculos XVI-XVII). Lisboa: ICS: Imprensa de Ciências Sociais, 2018, 331p.


Palavras-chave


misericórdias; doadores; legados

Texto completo:

PDF

Referências


ARAÚJO, Ana Cristina. A morte em Lisboa: atitudes e representações (1700-1830). Lisboa: Editorial Notícias, 1997.

FRAGOSO, João e GUEDES, Roberto. Notas sobre transformações e a consolidação do sistema econômico do Atlântico luso. In: FRAGOSO, João e GOUVÊA, Maria de Fátima (orgs.). O Brasil colonial (1720-1821). Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2014, v. 3, p. 9-57.

FRAGOSO, João e FLORENTINO, Manolo. O arcaísmo como projeto: mercado atlântico, sociedade agrária e elite mercantil no Rio de Janeiro, c. 1790 – c. 1840. Rio de Janeiro: Sette Letras, 1993.

MARTINS, William de Souza. Membros do corpo místico: ordens terceiras no Rio de Janeiro (c. 1700-1822). São Paulo: Edusp, 2009.

NEVES, Guilherme Pereira das. E receberá mercê: a Mesa da Consciência e Ordens e o clero secular no Brasil (1808-1828). Rio de Janeiro: Arquivo Nacional, 1997.

OLIVAL, Fernanda; MONTEIRO, Nuno. Mobilidade social nas carreiras eclesiásticas em Portugal (1500-1820). Análise social. Lisboa, v. 37, n. 165, p. 1213-1239, 2003.

REIS, João José. A morte é uma festa: ritos fúnebres e revolta popular no Brasil do século XIX. São Paulo: Companhia das Letras, 1991.

RODRIGUES, Cláudia. Nas fronteiras do além: a secularização da morte no Rio de Janeiro (séculos XVIII e XIX). Rio de Janeiro: Arquivo Nacional, 2005.

ROSA, Maria de Lurdes Pereira. “As almas herdeiras”: Fundação de capelas fúnebres e afirmação da alma como sujeito de direito (Portugal, 1400-1521). Tese de Doutoramento (École des Hautes Études en Sciences Sociales, Paris, e Faculdade de Ciências Humanas e Sociais da Universidade Nova de Lisboa). Lisboa, 2005, 716 p.

RUSSELL-WOOD, A. John R. Um mundo em movimento: os portugueses na África, Ásia e América (1415-1800). Lisboa: Difel, 1998.

SÁ, Isabel dos Guimarães. Quando o rico se faz pobre: misericórdias, caridade e poder no Império português, 1500-1800. Lisboa: Comissão Nacional para as Comemorações dos Descobrimentos Portugueses, 1997.

SÁ, Isabel dos Guimarães. Memória, mitos e historiografia das misericórdias portuguesas. In: PAIVA, José Pedro (coord.). Portugaliae Monumenta Misericordiarum: Novos estudos. Lisboa: União das Misericórdias Portuguesas, 2017, v. 10, p. 451-500.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Creative Commons License Todo o conteúdo do periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons