A implementação da linguagem musical por meio do Programa Mais Educação: possibilidades e desafios

Ronaldo Roella Carvalho

Resumo


Este artigo é decorrente de uma pesquisa em andamento no curso de mestrado da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). Refere-se a uma análise das atividades musicais desenvolvidas na rede escolar de ensino fundamental municipal do município de Vitória ES, através do programa federal Mais Educação. Assim, o intuito desse trabalho é analisar o processo de implementação de atividades musicais na rede municipal de ensino de Vitoria (ES), decorrentes do programa federal Mais Educação, identificando as ações propostas, os desafios emergentes e as soluções encontradas para os mesmos. Para tal, foram escolhidas 3 unidades de ensino participantes do programa e que ofertaram a oficina de música há pelo menos 3 anos. Para dar suporte às reflexões pretendidas, serão focados as proposições de autores que analisam processos de implementação de políticas públicas em educação das práticas de educação musical na educação básica brasileira. Dentre outros, estão Souza, 2003; Mainardes, 2012; Penna, 2007; Del Bem 2005. Acredito que as reflexões aqui pretendidas podem colaborar com o processo de consolidação da educação musical brasileira enquanto área de conhecimento, pois ao observar, descrever e analisar um processo de implementação do ensino musical em uma rede de ensino, abarcando aspectos institucionais e pedagógicos, aponta-se para a possibilidade de produção de estratégias políticas que podem contribuir para a construção de referências teóricas e práticas para o ensino da música, coerentes com os diversificados contextos que caracterizam a educação brasileira.

Texto completo:

PDF