POR FALAR EM PÓS-TURISMO

Autores

  • João Alcantara de Freitas

Palavras-chave:

Pós-Turismo, Viagens personalizadas, Economia da Experiência.

Resumo

Os serviços turísticos vêm se transformando significativamente nas últimas décadas, sobretudo a partir da década de 1990, com a popularização da internet. Tais transformações pareciam tão significativas que alguns autores (FEIFER, 1985; URRY, 1990) começaram a pensar em Pós-Turismo. Influenciado pela ascensão da dita Economia da Experiência, Sergio Molina (2003) dá novos contornos ao conceito de Pós-turismo. A partir da década 2000, surgiu uma nova categoria de serviços turísticos personalizados, o que reaquece o debate acerca do dito pós-turismo. O objetivo deste artigo é promover uma reflexão acerca das transformações do turismo nas últimas décadas e fazer uma análise crítica do conceito de Pós-Turismo.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2013-11-13

Como Citar

de Freitas, J. A. (2013). POR FALAR EM PÓS-TURISMO. Itinerarium, 1(1), 111–133. Recuperado de http://seer.unirio.br/itinerarium/article/view/3337

Edição

Seção

Artigos