Do Ilegal ao Imoral: Memórias de uma Sexualidade “Invertida”

Autores

  • Rafael Chaves Vasconcelos Barreto SEEDUC - RJ

Palavras-chave:

Memória Coletiva, Identidade, Homossexualidade

Resumo

O presente artigo aborda o tema da homossexualidade e de sua construção como identidade coletiva. Através da articulação de conceitos relativos à Memória Social, mais especificamente a noção de memória coletiva e sua construção, com a frequência e observação participante em espaços de convivência e frequência homossexual no Rio de Janeiro, o presente artigo buscou definir e associar três períodos da história brasileira: 1) período da criminalização; 2) período da medicalização ou patologização; 3) período da organização política. A definição de tais períodos apresenta relevância para o entendimento de algumas questões e posturas de sujeitos com práticas homoeróticas nos dias atuais.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Rafael Chaves Vasconcelos Barreto, SEEDUC - RJ

Geógrafo (Licenciatura e Bacharelado) formado pela Universidade Federal Fluminense - UFF (2007). Mestre em Estudos Populacionais e Pesquisas Sociais pela Escola Nacional de Ciências Estatísticas - ENCE/IBGE, onde foi bolsista pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - CAPES. Doutor em Memória Social pela UNIRIO. Atuou como servidor do quadro temporário do IBGE, na Coordenação de Cartografia - CCAR de 2006 a 2008. Participou como professor/online do projeto Gênero e Diversidade na Escola, versão 2009 e 2010, realizado pelo CLAM/IMS/UERJ e do Curso de Especialização em Gênero e Sexualidade - EGeS, na mesma instituição. Vem atuando na elaboração do Currículo Mínimo de Geografia (modalidade EJA) da Rede Estadual do RJ e participa como membro da equipe de formação continuada para professores da mesma rede. Atua nas áreas ligadas à Geografia da População; Gênero e Sexualidade; Identidade e Território; Currículo e Formação Docente.

Downloads

Publicado

2018-12-19

Como Citar

Barreto, R. C. V. (2018). Do Ilegal ao Imoral: Memórias de uma Sexualidade “Invertida”. Revista Morpheus - Estudos Interdisciplinares Em Memória Social, 10(17). Recuperado de http://seer.unirio.br/morpheus/article/view/7121