Strategies to humanize the care of hospitalized elderly: study with assistant nurses

Main Article Content

Kalina Coeli Costa de Oliveira Dias
Maria Emília Limeira Lopes
Inacia Sátiro Xavier de França
Patricia Serpa de Souza Batista
Jaqueline Brito Vidal Batista
Francisco Stélio de Sousa

Resumo

Objetivo: Investigar as estratégias que enfermeiros assistenciais empregam para assistir o idoso hospitalizado. Métodos: Trata-se de um estudo exploratório, de natureza qualitativa. A pesquisa foi desenvolvida em um Hospital Universitário, com quinze enfermeiros assistenciais. Para viabilizar a coleta dos dados, foi utilizada a técnica de entrevista. O material empírico foi analisado qualitativamente, mediante a técnica de análise de conteúdo. Resultados: Da análise qualitativa emergiram três categorias: Acolhimento, assistência de enfermagem individualizada e respeito à autonomia do paciente idoso; Respeito às crenças, aos valores, à privacidade e à identidade do paciente idoso; Valorização da comunicação verbal e não verbal para o paciente e sua família. Conclusão:Este estudo evidencia o compromisso dos enfermeiros participantes da pesquisa no que tange ao cuidado humanizado de enfermagem direcionado ao idoso hospitalizado. 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Article Details

Como Citar
1.
Dias KCC de O, Lopes MEL, França ISX de, Batista PS de S, Batista JBV, Sousa FS de. Strategies to humanize the care of hospitalized elderly: study with assistant nurses. R. pesq. cuid. fundam. online [Internet]. 1º de janeiro de 2015 [citado 19º de janeiro de 2022];7(1):1832-46. Disponível em: http://seer.unirio.br/cuidadofundamental/article/view/3470
Seção
Research
Biografia do Autor

Kalina Coeli Costa de Oliveira Dias, UFPB

Enfermeira. Docente em Enfermagem da Universidade Federal de Campina Grande.  Mestranda do Programa de Pós- graduação em Enfermagem da Universidade Federal da Paraíba- UFPB. 

Maria Emília Limeira Lopes, UFPB

2Enfermeira. Doutora em Enfermagem pela UFRN. Docente do Curso de Graduação em Enfermagem e do Programa de Pós- graduação em Enfermagem da Universidade Federal da Paraíba/UFPB.

Inacia Sátiro Xavier de França, UEPB

3Enfermeira. Doutora em Educação pela Universidade Federal do Ceará/UFC. Docente do Curso de Graduação em Enfermagem da Universidade Estadual da Paraíba/UEPB e do Programa Associado de Pós–graduação em Enfermagem UEPB/UPE. 

Patricia Serpa de Souza Batista, UFPB

Enfermeira. Doutora em Educação pela Universidade Federal da Paraíba/UFPB. Docente do Curso de Graduação em Enfermagem e do Programa de Pós- graduação em Enfermagem da UFPB

Jaqueline Brito Vidal Batista, UFPB

Psicóloga. Doutora em Saúde Pública pela Fundação Oswaldo Cruz - FIOCRUZ. Docente do Curso de Graduação em Pedagogia e do Programa de Pós- graduação em Enfermagem da UFPB. 

Francisco Stélio de Sousa, UEPB

Enfermeiro. Doutor em Enfermagem pela Universidade Federal do Ceará/UFC. Docente do Curso de Graduação em Enfermagem da Universidade Estadual da Paraíba/UEPB e do Programa Associado de Pós–graduação em Enfermagem UEPB/UPE.  

Plum Analytics

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

1 2 > >>