PSYCHOSOCIAL CARE CENTER IN VIEW OF FAMILY CAREGIVER

Israel Coutinho Sampaio Lima, Liana Dantas da Costa e Silva, Maria Eliete Batista Moura Eliete Batista Moura, José Nazareno Pearce de Oliveira Brito, Gerardo Vasconcelos Mesquita, Fabricio Ibiapina Tapety

Resumo


Objetivo: Analisar a vivência do familiar cuidador da pessoa com esquizofrenia, frente à reforma psiquiátrica. Métodos: Estudo descritivo-exploratório de abordagem qualitativa, realizado no Centro de Atenção Psicossocial II de Teresina-PI, com nove familiares cuidadores de pessoas com tal doença e que aceitaram participar do estudo. Resultados: Os dados abordam a visão do familiar cuidador frente à desinstitucionalização da doença mental. Constatou-se que este centro vem modificando a concepção da família e da sociedade sobre a reclusão do doente metal, pelas melhoras alcançadas através das terapias medicamentosas e psicoterápicas, uma vez que, houve a melhora da qualidade de vida de ambas as partes. Conclusões: O Centro de Atenção Psicossocial é uma alternativa efetiva e eficaz ao modelo manicomial diante da vivência dos cuidadores. 


Palavras-chave


Esquizofrenia; Psiquiatria; Relações familiares; Relação profissional-família; Enfermagem

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.9789/2175-5361.2011.v0iSupl..45-51 

Article Metrics

Metrics Loading ...

Metrics powered by PLOS ALM


Direitos autorais 2019 Revista de Pesquisa: Cuidado é Fundamental Online

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

SCImago Institutions Rankings

 

  

 

Novas regras para submissão de artigos na RPCFO a partir de 01/07/2018. Clique aqui.