SYMPTOMATOLOGY THE DEPRESSION IN ELDERLY ATTENDED FROM BASIC HEALTH UNITS

Ieda Nogueira Beltrão, Luípa Michele Silva, Maria do Socorro Costa Feitosa Alves, Maria Adelaide Silva P. Moreira, Felismina Mendes, Regina Rodriguez Bôtto Targino

Resumo


Objetivo: Conhecer a prevalência da sintomatologia depressiva em idosos atendidos em Unidades Básicas de Saúde. Método: Estudo exploratório no período de abril a julho de 2011, com idosos de idade igual ou superior a 60 anos. A amostra foi composta de 249 idosos, que responderam à Escala de Depressão Geriátrica reduzida, adotada pelo Ministério da Saúde. Foram realizadas análises de variância da prevalência dos sintomas de depressão com idosos em ambos os sexos. Resultados: Identificados sintomas de depressão em 65 idosos com 26,1%: 15 homens (6%) e 50 mulheres (20,1%). Conclusão: Procurou-se conhecer a sintomatologia da depressão em idosos atendidos em Unidades Básicas de Saúde em que foi observada maior prevalência em mulheres. Esse achado sugere ser motivado por causas relacionadas com diferentes fatores, entre estes, com destaque à história familiar, hormonais, sociais entre outras, exigindo dos profissionais de saúde maior atenção por ocasião do atendimento à pessoa idosa com ações preventivas. 


Palavras-chave


Sintomatologia depressiva; Idoso; Escala de Depressão Geriátrica

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.9789/2175-5361.2011.v0iSupl..1-8 

Article Metrics

Metrics Loading ...

Metrics powered by PLOS ALM


Direitos autorais 2019 Revista de Pesquisa: Cuidado é Fundamental Online

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

Novas regras para submissão de artigos na RPCFO a partir de 01/07/2018. Clique aqui.

O atendimento telefônico da secretaria funciona de 06:00 as 09:00, de segunda a sexta feira.

 

        

Crossref Metadata User Badge
SCImago Institutions Rankings