INFECTION RELATED TO THE EXTERNAL VENTRICULAR SHUNT IN A NEUROSURGERY HOSPITAL

Elizandra Silva Oliveira, Regina Celia Oliveira, Erika Larissa Marinho Souto

Resumo


OBJETIVO:Identificar os fatores co-responsáveis de infecção relacionada à derivação ventricular externa.MÉTODO: estudo retrospectivo com análise quantitativa dos dados; desenvolvido no Serviço de Arquivo Médico de um hospital público referencia em neurocirurgia em Pernambuco. Amostra constituída de 140 pacientes submetidos a inserção de Derivação Ventricular Externa. Os dados foram coletados por questionário semi-estruturado; analisados através do programa software SPSS 13.0. RESULTADOS: Predominância do sexo masculino 39,7%; idade entre 20 e 39 anos 52%;tempo de internamento acima de 60 dias 72,7%; Múltiplas DVE instaladas 100%;tempo de uso da DVE acima de 30 dias 96,2%. CONLUSÃO: significância estatística para os fatores: tempo de internamento prolongado, número de DVE instaladas, tempo de uso da DVE e o desenvolvimento de infecção. Ações de enfermagem são emergentes visando garantir a segurança do paciente no ambiente hospitalar.


Palavras-chave


Infecção; Cuidados de Enfermagem; Fatores de risco; Derivações líquido Cefalorraquidiano.

Texto completo:

PDF-En PDF-Pt


DOI: http://dx.doi.org/10.9789/2175-5361.2013.v5i3.181-185 

Article Metrics

Metrics Loading ...

Metrics powered by PLOS ALM


Direitos autorais 2019 Revista de Pesquisa: Cuidado é Fundamental Online

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

Novas regras para submissão de artigos na RPCFO a partir de 01/07/2018. Clique aqui.

O atendimento telefônico da secretaria funciona de 06:00 as 09:00, de segunda a sexta feira.

 

        

Crossref Metadata User Badge