Prevalência de transtornos mentais comuns entre trabalhadores marítimos do Rio de Janeiro Common mental disorders prevalence among maritime workers of Rio de Janeiro

Jorge Luiz Lima da Silva, Rebecca Ferreira Moreno, Rafael da Silva Soares, Jones Alberto de Almeida, Donizete Vago Daher, Enéas Rangel Teixeira

Resumo


Objetivo: descrever a prevalência de transtornos mentais comuns entre trabalhadores marítimos. Método: trata-se de  estudo transversal realizado com 316 funcionários de empresa de transporte hidroviário. A pesquisa foi aprovada no CEP sob o  CAAE 0271.0.258.258-11, a coleta dos dados foi realizada em 2012. A variável transtorno mental comum foi investigada de acordo com o Self Reporting Questionnaire. Resultados: constatou-se a prevalência geral de 14,24%. Notou-se que o grupo de sintomas humor depressivo e ansioso foi o mais expressivo.  Sexo feminino, renda familiar abaixo da média, alta carga horária semanal, estresse autorreferido, pensamento de abandono do emprego, categoria marinheiro de máquinas, sedentarismo e não tabagismo mostraram-se associados ao desfecho. Conclusão: é necessária a criação de projetos ocupacionais consistentes, com equipes multidisciplinares, tendo em vista a promoção da saúde e qualidade de vida no ambiente de trabalho e a redução de transtornos mentais.


Palavras-chave


Transtornos Mentais; Esgotamento Profissional; Saúde do Trabalhador; Enfermagem do Trabalho.

Texto completo:

PDF-EN PDF-PT


DOI: http://dx.doi.org/10.9789/2175-5361.2017.v9i3.676-681 

Article Metrics

Metrics Loading ...

Metrics powered by PLOS ALM


Direitos autorais 2017 Revista de Pesquisa: Cuidado é Fundamental Online



Novas regras para submissão de artigos na RPCFO a partir de 01/07/2018. Clique aqui.

O atendimento telefônico da secretaria funciona de 06:00 as 09:00, de segunda a sexta feira.

 

        

Crossref Metadata User Badge