Evaluation of primary health care for children under 5 years old in the municipality of lagarto-se / Avaliação da assistência primária à saúde das crianças menores de 5 anos no município de Lagarto-SE

Adênia Káren Cardoso Costa, Anne Katherine Nascimento Mesquita, Anny Giselly Milhome Milhome da Costa Farre, Karenine Maria Holanda Cavalcante, Maria do Socorro Claudino Barreiro

Resumo


Objetivo: avaliar a efetividade da assistência primária as crianças menores de cinco anos de idade cadastradas em uma Clínica de Saúde da Família, Lagarto-SE. Método: trata-se de uma pesquisa de resultados, de abordagem quantitativa e delineamento transversal, no qual se utilizou Primary Care Assessment Tool – Versão Criança para avaliação dos atributos de acesso, longitudinalidade, coordenação, integralidade, orientação familiar e orientação comunitária. Resultados: foram entrevistados 50 adultos, responsáveis por crianças de até cinco anos de idade cadastradas no serviço. A avaliação foi positiva para o grau de afiliação e o atributo coordenação-sistema de informações, e os demais não alcançaram o escore mínimo de referência. Conclusão: os atributos revelam há barreiras no acesso ao serviço, falha na continuidade do atendimento, fragilidade na referência e contra-referência e comprometimento na comunicação profissionais de saúde-paciente.

Descritores: Saúde da Criança; Atenção Primária à Saúde; Estratégia Saúde da Família.


Palavras-chave


Saúde da Criança; Atenção Primária à Saúde; Estratégia Saúde da Família.

Texto completo:

PDF-EN PDF-PT

Referências


Ministério da Saúde (BR). Secretaria de Atenção em Saúde. Departamento de Atenção Básica. Manual do instrumento de avaliação da atenção primária à saúde: Primary Care Assessment Tool PCAtool-Brasil. Brasília: Ministério da Saúde, 2010.

Ministério da Saúde (BR). Política Nacional de Atenção Básica (PNAB). Brasília: Ministério da Saúde, Série E. Legislação em Saúde, 2012.

Mendes EV. O cuidado das condições crônicas na atenção primária à saúde: o imperativo da consolidação da estratégia da saúde da família. Brasília: Organização Pan-Americana da Saúde. 2012, p. 71-99.

Starfield B. Atenção Primária: equilíbrio entre necessidades de saúde, serviços e tecnologia. Brasília: UNESCO, Ministério da Saúde. 2002, p.726.

Silva RMM, Vieira CS. Acesso ao cuidado à saúde da criança em serviços de atenção primária. Rev Bras Enferm, Paraná. 2014, 67(5): 794-802.

https://doi.org/10.1590/0034-7167.2014670518

PMid:25517675

Del Ciampo LA, Ricco RG, Daneluzzi JC, Del Ciampo IRL, Ferraz IS, Almeida CAN. O Programa de Saúde da Família e a Puericultura. Ciênc Saúde Coletiva. 2006, 11(3): 739-43.

https://doi.org/10.1590/S1413-81232006000300021

Polit, DF. Fundamentos de pesquisa em enfermagem: avaliação de evidências para a prática da enfermagem.-7ed.-Porto Alegre. Artmed. 2011, 669 p.

Fracolli LA, Gomes MFP, Nabão FRZ, Santos MS, Cappellini VK, Almeida ACC. Instrumento de avaliação da Atenção Primária à Saúde: revisão de literatura e metassíntese. Rev. Ciência & Saúde Coletiva. 2014, 19(12): 4851-4860.

https://doi.org/10.1590/1413-812320141912.00572014

PMid:25388193

Brasil. Conselho Nacional de Secretários de Saúde. Atenção Primária e Promoção da Saúde / Conselho Nacional de Secretários de Saúde. Brasília: CONASS. 2007, p.232 (Coleção Progestores - Para entender a gestão do SUS, 8)

Oliveira VBCA. Avaliação da atenção primária à saúde da criança no município de Colombo - Paraná [dissertação]. São Paulo: Universidade de São Paulo, Escola de Enfermagem; 2012 [citado 2017-03-22]. doi:10.11606/D.7.2012.tde-22022013-125217.

https://doi.org/10.11606/D.7.2012.tde-22022013-125217

Oliveira MAC, Pereira IC. Atributos essenciais da Atenção Primária e a Estratégia Saúde da Família. Rev Bras Enferm. 2013, 66(esp):158-64.

https://doi.org/10.1590/S0034-71672013000700020

PMid:24092323

Cunha EM, Giovanella L. Longitudinality/continuity of care: identifying dimensions and variables to the evaluation of Primary Health Care in the context of the Brazilian public health system. Cienc Saúde Coletiva [Internet]. 2011[cited 2014 Jan 23]; 16:1029-42.

Medeiros CRG, Junqueira AGW, Schwingel G, Carreno I, Jungles LAP, Saldanha OMFL. A rotatividade de enfermeiros e médicos: um impasse na implementação da Estratégia de Saúde da Família. Ciênc. saúde coletiva. 2010, 15(1):1521-1531.

https://doi.org/10.1590/S1413-81232010000700064

PMid:20640314

Donabedian A. The seven pillars of quaity. Arch Pathol Lab Med 1990; 114:1115-8.

Leão CDA, Caldeira AP, Oliveira MMC. Atributos da atenção primária na assistência à saúde da criança: avaliação dos cuidadores. Rev. Bras. Saúde Mater. Infant. 2011, 11(3):323-334.

https://doi.org/10.1590/S1519-38292011000300013

Plano nacional da primeira infância. Projeto observatório nacional da primeira infância. Mapeamento da Ação Finalística. Evitando Acidentes na Primeira Infância. 2014

Organização Pan-Americana da Saúde Manual para vigilância do desenvolvimento infantil no contexto da AIDPI. Washington, DC, 2005.

Fracolli LA, Muramatsu MJ, Gomes MFP, Nabão FRZ. Avaliação dos atributos da Atenção Primária à Saúde num município do interior do Estado de São Paulo - Brasil. O Mundo da Saúde.São Paulo, 2015;39(1):54-61

https://doi.org/10.15343/0104-7809.201539015461

Cava AML, Diaz MPM. Assistência a crianças com problemas crônicos de saúde no contexto das unidades públicas de saúde Brasil/Espanha. R. pesq.: cuid. fundam. Online 2010. Out/dez. 2 (Ed. Supl.): 756-759.




DOI: http://dx.doi.org/10.9789/2175-5361.rpcfo.v12.6582 

Article Metrics

Metrics Loading ...

Metrics powered by PLOS ALM


Direitos autorais 2020 Revista de Pesquisa: Cuidado é Fundamental Online

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

SCImago Institutions Rankings

 

  

 

Novas regras para submissão de artigos na RPCFO a partir de 01/07/2018. Clique aqui.