Developing the nurses’ bond with HIV-positive pregnant women / A construção do vínculo das enfermeiras da estratégia de saúde da família com as gestantes HIV positivo

Flávia Alves Condé Pires Guelber, Marcelo Silva Alves, Carlos Podalirio Borges de Almeida

Resumo


Objetivo: conhecer a percepção das enfermeiras em relação à construção do vínculo na assistência prestada na Estratégia de Saúde da Família com as gestantes HIV positivo. Método: Para coleta das informações foi utilizada a entrevista semiestruturada com dez voluntárias. A análise das informações foi realizada sob a luz da Razão Sensível. Resultados: Após análise, emergiram duas categorias: 1) O vínculo vivido e pensado como cuidado solidário e humanístico e, 2) A construção do vínculo como elo que favorece o desenvolvimento das ações de saúde.  Foi possível apreender que as enfermeiras mantêm o vínculo após encaminhar a gestante ao serviço especializado ou seria este vínculo passível de ser construído mesmo ao encaminhá-las. Conclusão: Nessa relação, a enfermeira visualiza a possibilidade de estar-junto à gestante, proporcionando ações que possibilitem mantê-la em acompanhamento na unidade. 


Palavras-chave


enfermagem; vínculo; gestante

Texto completo:

PDF-EN PDF-PT

Referências


- Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Atenção à Saúde. Departamento de Ações Programáticas Estratégicas. Gestação de alto risco: manual técnico / Ministério da Saúde, Secretaria de Atenção à Saúde, Departamento de Ações Programáticas Estratégicas. – 5. ed. – Brasília : Editora do Ministério da Saúde, 2012.

- Tedesco JJA. Componentes Emocionais da Gravidez. In: TEDESCO, J. J. A. A Grávida: Suas indagações e as dúvidas do obstetra. São Paulo, SP: Atheneu; 2000: 267-276.

- Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Atenção à Saúde. Departamento de Atenção Básica. Atenção ao pré-natal de baixo risco / Ministério da Saúde. Secretaria de Atenção à Saúde. Departamento de Atenção Básica. – Brasília :Editora do Ministério da Saúde, 2012.

- Padoin SMM, Souza IEO. Compreensão do temor como modo de disposição da mulher com HIV/AIDS diante da (im)possibilidade de amamentar. Texto Contexto Enfermagem, Florianópolis. 2008; 17(3): 510-8.

- Carvalho CML, Braga VAB, Silva MJ, Galvão MTG. Assistência à saúde da mulher portadora de hiv/aids no brasil: refletindo sobre as políticas públicas. Rev. Rene. Fortaleza. 2008; 9(3):125-134.

- Minayo MCS. Introdução ao desafio do conhecimento. In: Minayo MCS. O desafio do conhecimento: pesquisa qualitativa em saúde. 12ª ed. São Paulo, SP: Hucitec; 2010 p. 21-37.

- Maffesoli M. Elogio da razão sensível. Petrópolis: Vozes, 1998. 207p.

- ______. No fundo das aparências. Petrópolis: Vozes, 1996. 188p.

- Padoin SMM, Souza IEO, Paula CC. Cotidianidade da mulher que tem HIV/aids: modo de ser diante da (im)possibilidade de amamentar. Rev. Gaúcha Enfermagem. 2010; 31(1): 77-83.

- Darmont MQR, Martins HS, Calvet GA, Deslandes SF, Menezes JA. Adesão ao pré-natal de mulheres HIV+ que não fizeram profilaxia da transmissão vertical: um estudo sócio-comportamental e de acesso ao sistema de saúde. Cad. Saúde Pública. 2010; 26(9): 1788-1796.

- Scherer LM, Borestein MS, Padilha MI. Gestantes/puérperas com HIV/AIDS: conhecendo os déficits e os fatores que contribuem no engajamento para o autocuidado. Escola Anna Nery. 2009; 13(2): 359-65.

- Silva RM, Costa MS, Matsue RY, Sousa GS, Catrib AMF, Vieira LJES. Cartografia do cuidado na saúde da gestante. Ciência & Saúde Coletiva. 2012; 17(3): 635-42.

- Barros VL, Araújo MAL, Alcântara MNA, Guanabara MAO, Melo SP, Guedes SSS. Fatores que interferem na adesão de gestantes com HIV/AIDS à terapia antiretroviral. Rev. Brasileira de Promoção da Saúde. 2011; 24(4): 396-403.

- Langendorf TF, Padoin SMM, Vieira LB, Landerdahl MC, Hoffmann IC. Rede de Apoio de Mulheres que Têm HIV: Implicações na Profilaxia da Transmissão Vertical. DST – Jornal Brasileiro de Doenças Sexualmente Transmissível. 2011; 23(1): 16-22.

- Waldow VR. Cuidado Humano: o resgate necessário. 1. Ed. Porto Alegre: Sagra Luzzato, 1998. 204 p.




DOI: http://dx.doi.org/10.9789/2175-5361.2019.v11i4.976-983 

Article Metrics

Metrics Loading ...

Metrics powered by PLOS ALM


Direitos autorais 2019 Revista de Pesquisa: Cuidado é Fundamental Online

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

Novas regras para submissão de artigos na RPCFO a partir de 01/07/2018. Clique aqui.

O atendimento telefônico da secretaria funciona de 06:00 as 09:00, de segunda a sexta feira.

 

        

Crossref Metadata User Badge