Clinical management of suspected chikungunya fever: health professionals knowledge of basic attention / Manejo clínico da suspeita de febre de chikungunya: conhecimento de profissionais de saúde da atenção básica

Regina Kelly Guimarães Gomes Campos, Ruama Vieira Carneiro, Samia Jardelle Costa de Freitas Maniva, Isabel Cristina Oliveira de Morais

Resumo


Objetivo:identificar o conhecimento de profissionais de saúde de unidades básicas de saúde da família sobre o manejo clínico da suspeita de febre de chikungunya.Método: realizou-se um estudo transversal com 31 profissionais de saúde de unidades básicas e saúde da família, localizadas no Município de Quixadá-Ceará, nos meses de janeiro e fevereiro de 2018.Resultados:quase todos relatam que ao avaliar sinais de gravidade, critérios de internação e grupos de risco, se o paciente não apresentar sinais de gravidade, não tiver critérios de internação e /ou condições de risco, o mesmo deve permanecer em acompanhamento ambulatorial; se o paciente for apenas do grupo de risco, o mesmo deve receber acompanhamento ambulatorial em observação; e se o paciente apresentar sinais de gravidade e/ou tiver critérios de internação, ele deve receber acompanhamento em internação.Conclusão:os profissionais de saúde possuem conhecimento satisfatório sobre o manejo clínico da doença baseado nas orientações do Ministério da Saúde.


Palavras-chave


Epidemiologia; Conhecimento; Assistência à Saúde; Profissionais de Saúde; Febre de Chikungunya.

Texto completo:

PDF-EN PDF-PT

Referências


Ministério da Saúde (BR). Secretaria de Vigilância em Saúde. Secretaria de Atenção Básica. Chikungunya: Manejo Clínico [internet]. Brasília: Ministério da Saúde; 2017 (citado em 01 de Março de 2018). Disponível em: http://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/chikungunya_manejo_clinico.pdf

Catro APCR, Lima RA, Nascimento JR. Chikungunya: vision of the pain clinician. Rev Dor [internet]. 2016 Out-Dez (citado em 03 de Março de 2018); 14(4): 299-302. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/rdor/v17n4/pt_1806-0013-rdor-17-04-0299.pdf

Ministério da Saúde (BR). Boletim Epidemiológico – Volume 49 - nº 42 – 2018. Monitoramento dos casos de dengue, febre de chikungunya e doença aguda pelo vírus Zika até a Semana Epidemiológica 38 de 2018 [internet]. Brasília: Ministério da Saúde; 2018(citado em 05 de Março de 2018). Disponível em: http://portalarquivos2.saude.gov.br/images/pdf/2018/outubro/26/2018-049.pdf

Machado MH, Filho WA, Lacerda WF, Oliveira E, Lemos W, Wermelinger M et al. Características gerais da enfermagem: o perfil sociodemográfico. Enferm foco [internet]. 2015 (citado em 02 de Março de 2018); 6(1):11-7. Disponível em: http://revista.cofen.gov.br/index.php/enfermagem/article/view/686/296

Corrêa ACP, Araújo EF, Ribeiro AC, Pedrosa ICF. Perfil sociodemográfico e profissional dos enfermeiros da atenção básica à saúde de Cuiabá-Mato Grosso. Rev Eletr Enf [internet]. 2012 Jan-Mar (citado em 02 de Março de 2018); 14(1): 171-80, 2012. Disponível em: https://www.revistas.ufg.br/fen/article/view/12491/15570

Renault P, Solet J-L, Sissoko D, Balleydier E, Larrieu S, Filleul L, et al . Major Epidemic of Chikungunya Virus Infection on Réunion Island, France, 2005-2006. Am J Trop Med Hyg [internet]. 2007 (citado em 04 de Março de 2018); 77(4): 727–31. Disponível em: http://www.ajtmh.org/docserver/fulltext/14761645/77/4/0770727.pdf?expires=1541012815&id=id&accname=guest&checksum=D88679FBB28E1382F5F9FFEF8259CD30

Waymouth HE, Zoutman DE, Towheed TE. Chikungunya-related arthritis: case report and review of the literature. Semin Arthritis Rheum [internet]. 2013 (citado em 06 de Março de 2018); 43(2): 273-78. Disponível em: https://www.sciencedirect.com/science/article/pii/S0049017213000504

Honório NA, Câmara DCP, Calvet GA, Brasil P . Chikungunya: uma arbovirose em estabelecimento e expansão no Brasil. Cad Saúde Pública [internet]. 2015 Mai (citado em 06 de Março de 2018); 31(5): 906-08. Disponível em: https://www.scielosp.org/pdf/csp/2015.v31n5/906-908/pt

Organização Pan-Americana da Saúde. Organização Mundial da Saúde. Informação para profissionais de saúde. Febre de Chikungunya. Documento científico [internet]. Rio de Janeiro: OPAS; 2014 (citado em 07 de Março de 2018). Disponível em: https://www.paho.org/hq/dmdocuments/2014/POR-CHIK-Aide-memoire--clinicians.pdf

Gérardin P, Sampériz S, Ramful D, Boumahni B, Binter M, Alessandri J-L, et al. Neurocognitive Outcome of Children Exposed to Perinatal Mother-to-Child Chikungunya Virus Infection: The CHIMERE Cohort Study on Reunion Island. PLOS Neglected Tropical Diseases [internet]; 2014 Jul (citado em 07 de Março de 2018); 8(7): 1-14. Disponível em: https://journals.plos.org/plosntds/article/file?id=10.1371/journal.pntd.0002996&type=printable

Marques CDL, Duarte ALBP, Ranzolin A, Dantas AT, Cavalcanti NG, Gonçalves RSG, et al. Recomendações da Sociedade Brasileira de Reumatologia para Diagnóstico e Tratamentos da Febre Chikungunya. Rev Bras de Reumatol [internet]. 2017 (citado em 07 de Março de 2018); 57(2): 421-37. Disponível em: https://reader.elsevier.com/reader/sd/pii/S0482500416301917?token=58D335E63923319ABE8333ACD3164C55640CD5B8286D65E56DE12F4059ECDF00EE429A6D6E1C80C5821757F8BA634B44

Economopoulou A, Dominguez M, Helynnck B, Sissoko D, Wichmann O, Quenel P, et al. Atypical Chikungunya virus infections: clinical manifestations, mortality and risk factors for severe disease during the 2005-2006 outbreak on Réunion. Epidemiol Infect [internet] 2009 (citado em 07 de Março de 2018); 37(4): 534–41. Disponível em: https://www.cambridge.org/core/journals/epidemiology-and-infection/article/atypical-chikungunya-virus-infections-clinical-manifestations-mortality-and-risk-factors-for-severe-disease-during-the-20052006-outbreak-on-reunion/33DA6DD44AA27ACE3B2216FCA688A592

Simon F, Javelle E, Cabie A, Bouquillard E, Troigross O, Gentile G, et al . French guidelines for the management of chikungunya (acute and persistent presentations). Médecine et maladies infectieuses [internet]. 2015 (citado em 09 de Março de 2018); 45(7): 243-63. Disponível em: https://www.researchgate.net/profile/Emilie_Javelle/publication/279313162_French_guidelines_for_the_management_of_chikungunya_acute_and_persistent_presentations_November_2014/links/55a3bf9f08aed99da24d0078/French-guidelines-for-the-management-of-chikungunya-acute-and-persistent-presentations-November-2014.pdf

JORGE, M.S.G; WIBELINGER,M.L; KNOB,B; ZANIN,C.et al. Intervenção fisioterapêutica na dor e na qualidade de vida em idosos com esclerose sistêmica. Relato de casos. Rev Dor [internet]. 2016 Abr-Jun (citado em 09 de Março de 2018); 17(2):148-51, 2016. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/rdor/v17n2/1806-0013-rdor-17-02-0148.pdf

Alves NM. Apresentação clínica da forma crônica da chikungunya em Feira de Santana-BA [internet]. Salvador (BA): Universidade Federal da Bahia. Salvador: Bahia; 2017 (citado em 13 de Março de 2018).Disponível em: https://docplayer.com.br/54761505-Apresentacao-clinica-da-forma-cronica-da-chikungunya-em-feira-de-santana-ba.html




DOI: http://dx.doi.org/10.9789/2175-5361.rpcfo.v12.8310 

Article Metrics

Metrics Loading ...

Metrics powered by PLOS ALM


Direitos autorais 2020 Revista de Pesquisa: Cuidado é Fundamental Online

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

Novas regras para submissão de artigos na RPCFO a partir de 01/07/2018. Clique aqui.

O atendimento telefônico da secretaria funciona de 06:00 as 09:00, de segunda a sexta feira.

 

        

Crossref Metadata User Badge

SCImago Institutions Rankings