Incidents related to health care in an emergency hospital / Incidentes relacionados à assistência à saúde em um hospital de emergência

Main Article Content

Cristiana Vilete Barbosa
http://orcid.org/0000-0002-4864-1144
Iara Barreto Bassi
http://orcid.org/0000-0002-8949-0573
Ana Carolina Amaral de Castro Hadad
http://orcid.org/0000-0002-8219-9230

Resumo

Objetivos: analisar as notificações de incidentes relacionados à assistência à saúde em um hospital de urgência e emergência. Métodos: estudo transversal analítico, com as fichas de notificação de incidentes registradas pelo Núcleo de Segurança do Paciente, no período de Janeiro de 2017 a Junho de 2018. Foram aplicados testes de regressão logística simples e múltipla, os quais associaram a variável resposta “dano ao paciente” a um ou mais fatores. Resultados: das 385 notificações, 53% foram incidentes com dano. Houve prevalência de eventos classificados como “outros” (30,9%) e das “falhas de procedimento” (17,9%). Os dados demonstraram associação estatística entre ocorrência de evento com dano e o óbito. Conclusão: tornam-se imprescindíveis esforços voltados à capacitação dos profissionais para o conhecimento dos processos corretos de notificação, das práticas para prevenção de incidentes e promoção da segurança do paciente.




 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Article Details

Como Citar
1.
Barbosa CV, Bassi IB, Hadad ACA de C. Incidents related to health care in an emergency hospital / Incidentes relacionados à assistência à saúde em um hospital de emergência. R. pesq. cuid. fundam. online [Internet]. 27º de outubro de 2021 [citado 17º de maio de 2022];13:1447-52. Disponível em: http://seer.unirio.br/cuidadofundamental/article/view/10042
Seção
Research
Biografia do Autor

Cristiana Vilete Barbosa, Fundação Hospitalar do Estado de Minas Gerais

Enfermeira. Especialista em Urgência e Emergência pelo Programa de Residência Multiprofissional da Fundação Hospitalar do Estado de Minas Gerais - FHEMIG. Belo Horizonte – MG - Brasil.

Iara Barreto Bassi, Fundação Hospitalar do Estado de Minas Gerais

Fonoaudióloga. Doutora em Epidemiologia pela Universidade Federal de Minas Gerais - UFMG. Mestre em Saúde Pública pela Universidade Federal de Minas Gerais - UFMG. Analista de Gestão de Assistência à Saúde da Fundação Hospitalar do Estado de Minas Gerais - FHEMIG. Belo Horizonte – MG - Brasil.

Ana Carolina Amaral de Castro Hadad, Fundação Hospitalar do Estado de Minas Gerais

Enfermeira. Mestre em Promoção da Saúde e Prevenção da Violência pela Universidade Federal de Minas Gerais – UFMG. Especialista em Gestão de Urgência e Emergência pelo Hospital Sírio Libanês. Fundação Hospitalar do Estado de Minas Gerais - FHEMIG. Belo Horizonte – MG - Brasil.

Plum Analytics

Referências

Duarte SCM, Stipp MAC, Silva MM da, Oliveira FT de. Adverse events and safety in nursing care. Rev. bras. enferm. [Internet]. 2015 [cited 2018 feb 06]; 68(1). Available from: http://dx.doi.org/10.1590/0034-7167.2015680120p.

Siman AG, Cunha SGS, Brito MJM. The practice of reporting adverse events in a teaching hospital. Rev. Esc. Enferm. USP. [Internet]. 2017 [cited 2018 feb 06]; 51: e03243. Available from: http://dx.doi.org/10.1590/s1980-220x2016045503243.

Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Brasil). Resolução n° 36 de 25 de julho de 2013. Diretoria Colegiada, RDC. Institui ações para a segurança do paciente em serviços de saúde e dá outras providências [Internet]. Brasília: Diário Oficial da União, 26 jul 2013; Seção 1:32 [acesso em 10 de fevereiro 2018]. Disponível em: http://bvsms.saude.gov.br/bvs/saudelegis/anvisa/2013/rdc0036_25_07_2013.html.

Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Brasil). Implantação do Núcleo de Segurança do Paciente em Serviços de Saúde – Série Segurança do Paciente e Qualidade em Serviços de Saúde [Internet]. Brasília: Agência Nacional de Vigilância Sanitária; 2016 [acesso em 08 de fevereiro 2018]; 68p. Disponível em: http://portal.anvisa.gov.br/documents/33852/3507912/Caderno+6++Implanta%C3%A7%C3%A3o+do+N%C3%BAcleo+de+Seguran%C3%A7a+do+Paciente+em+Servi%C3%A7os+de+Sa%C3%BAde/cb237a40-ffd1-401f-b7fd-7371e495755c.

World Health Organization (WHO). Conceptual framework for the international classification for patient safety: final technical report [Internet]. 2009 [cited 2018 feb 08]; 154 p. Available from: https://www.who.int/patientsafety/taxonomy/icps_full_report.pdf.

Jha AK, Larizgoitia I, Audera-Lopez C, Prasopa-Plaizier N, Waters H, Bates DW. The global burden of unsafe medical care: analytic modelling of observational studies. BMJ qual. saf. (Online). [Internet]. 2013 [cited 2019 feb 10]; 22:809-815. Available from: http://dx.doi.org/10.1136/bmjqs-2012-001748.

Capucho HC, Arnas ER, Cassiani SHB. PatientSafety: a comparison between hand written and computerized voluntary incident reporting. Rev. gaúch. enferm. [Internet]. 2013 [cited 2019 jan 17]; 34(1). Available from: http://dx.doi.org/10.1590/S1983-14472013000100021.

Mendes W, Pavão ALB, Martins M, Moura MLO, Travassos C. The feature of preventable adverse events in hospitals in the State of Rio de Janeiro, Brazil. AMB rev. Assoc. Med. Bras. [Internet]. 2013 [cited 2018 feb 10]; 59(5). Available from: http://dx.doi.org/10.1016/j.ramb.2013.03.002.

Nunes FDO, Barros LAA, Azevedo RM, Paiva SD. Patient safety: how nursing is contributing to the issue? Rev. Pesqui. (Univ. Fed. Estado Rio J., Online). [Internet]. 2014 [cited 2018 feb 07]; 6(2). Available from: https://dialnet.unirioja.es/servlet/articulo?codigo=5091163.

Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Brasil). Assistência Segura: Uma Reflexão Teórica Aplicada à Prática [Internet]. Brasília: Agência Nacional de Vigilância Sanitária; 2017 [acesso em 08 de fevereiro 2018]; 168p. Disponível em: http://portal.anvisa.gov.br/documents/33852/3507912/Caderno+1++Assist%C3%AAncia+Sgura++Uma+Reflex%C3%A3o+Te%C3%B3rica+Aplicada+%C3%A0+Pr%C3%A1tica/97881798-cea0-4974-9d9b-077528ea1573.

Brasil. Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Brasil). Gestão de Riscos e Investigação de Eventos Adversos Relacionados à Assistência à Saúde – Série Segurança do Paciente e Qualidade em Serviços de Saúde [Internet]. Brasília: Agência Nacional de Vigilância Sanitária; 2017 [acesso em 08 de fevereiro 2018]; 92p. Disponível em: http://portal.anvisa.gov.br/documents/33852/3507912/Caderno+7++Gest%C3%A3o+de+Riscos+e+Investiga%C3%A7%C3%A3o+de+Eventos+Adversos+Relacionados+%C3%A0+Assist%C3%AAncia+%C3%A0+Sa%C3%BAde/6fa4fa91-c652-4b8b-b56e-fe466616bd57.

Wilson RM, Michel P, Olsen S, Gibberd RW, Vincent C, El-Assady R, et al. Patient safety in developing countries: retrospective estimation of scale and nature of harm to patients in hospital. BMJ. [Internet]. 2012 [cited 2019 feb 6]; 344: e832. Available from: https://doi.org/10.1136/bmj.e8322.

Maia CS, Freitas DRC, Gallo LG, Araújo WN. Registry of adverse events related to health care that results in deaths in Brazil, 2014-2016. Epidemiol. serv. saúde. [Internet]. 2018 Jun [cited 2019 Jan 09]; 27(2): e2017320. Available from: https://doi.org/10.5123/S1679-49742018000200004.

Alves MFT, Carvalho DS, Albuquerque GSC. Barriers to patient safety incident reporting by Brazilian health professionals: an integrative review. Ciênc. Saúde Colet. [Internet]. 2019 [cited 2020 jan 07]; 24(8). Available from: https://doi.org/10.1590/1413-81232018248.23912017.

Souza VS, Kawamoto AM, Oliveira JLC, Tonini NS, Fernandes LM, Nicola AL. Errors and adverse events: the interface with health professionals’ safety culture. Cogitare enferm. [Internet]. 2015 [cited 2019 Jan 17]; 20(3). Available from: http://dx.doi.org/10.5380/ce.v20i3.40687.

Preis L, Lessa G, Tourinho F, Santos J. Mortality epidemiology for external causes in the period 2004 to 2013. Rev. enferm. UFPE on line. [Internet]. 2018 [Cited 2019 jan 12]; 12(3). Available from: https://doi.org/10.5205/1981-8963-v12i3a230886p716-728-2018.

Souza RF, Alencar IGM, Alves AS. Adverse events in the intensive care unit. Rev. enferm. UFPE on line [Internet]. 2018 [cited 2019 jan 12]; 12(1). Available from: https://doi.org/10.5205/1981-8963-v12i1a25205p19-27-2018.

Sousa RS, Pontes LPP, Maia JLB, Araújo HAWP, Rocha TPO, Diniz RP. Risk management in techno vigilance: analysis of reports from a sentinel hospital. Rev. enferm. UERJ. [Internet]. 2017 [cited 2019 jan 10]; 25: e22730. Available from: https://doi.org/10.12957/reuerj.2017.22730.

Teixeira CC, Bezerra ALQ, Paranaguá TTB, Pagotto V. Factors related to the occurrence of adverse events in hospitalized elderly patients. Rev. baiana enferm. [Internet]. 2018 [cited 2019 feb 08]; 32: e25772. Available from: https://portalseer.ufba.br/index.php/enfermagem/article/view/25772/16991.

Ortega DB, D’Innocenzo M, Silva LMG, Bohomol E. Analysis of adverse events in patients admitted to an intensive care unit. Acta Paul. Enferm. (Online). [Internet]. 2017 [cited 2019 jan 15]; 30(2). Available from: http://dx.doi.org/10.1590/1982-0194201700026.

Roque KE, Tonini T, Melo ECP. Adverse events in the intensive care unit: impact on mortality and length of stay in a prospective study. Cad. Saúde Pública (Online). [Internet]. 2016 [cited 2019 jan 10]; 32(10): e00081815. Available from: http://dx.doi.org/10.1590/0102-311X00081815.

Porto S, Martins M, Mendes W, Travassos C. A magnitude financeira dos eventos adversos em hospitais no Brasil. Rev. port. saúde pública. [Internet]. 2010 [acesso em 17 de Janeiro 2019]; (10). Disponível em: https://www.researchgate.net/publication/228506531_A_magnitude_financeira_dos_eventos_adversos_em_hospitais_no_Brasil.

Hoefel HHK, Echer IC, Lucena ADF, Mantovani VM. Patient safety incidents occurred during nursing care. Rev. epidemiol. controle infecç. [Internet]. 2017 [cited 2019 jan 20]; 7(3). Available from: http://dx.doi.org/10.17058/reci.v7i3.8558.

Figueiredo ML, Oliveira e Silva CS, Brito MFSF, D’Innocenzo M. Analysis of incidents notified in a general hospital. Rev. bras. enferm. [Internet]. 2018 [cited 2019 jan 11]; 71(1). Available from: http://dx.doi.org/10.1590/0034-7167-2016-0574.