Safe surgery – analysis of the implementation of the checklist by Swot matrix / Cirurgia segura – análise da implementação da lista de verificação através da matriz SWOT

Main Article Content

Laryssa dos Santos Pimentel
http://orcid.org/0000-0001-7150-3826
Luiza Bonfim Gomes
http://orcid.org/0000-0003-0621-3747
Angela Maria La Cava
http://orcid.org/0000-0003-4173-8557
Deise Luci Batista Motta
http://orcid.org/0000-0001-7482-6604

Resumo

Objetivos: Conhecer o processo de implementação da lista de verificação de cirurgia segura e Analisar o processo de implementação da lista de verificação de cirurgia segura em centro cirúrgico de um hospital federal, através da matriz SWOT. Métodos: Trata-se de um estudo descritivo e exploratório, com abordagem quanti-qualitativa. Os dados foram obtidos através de um questionário, com amostra de 56 participantes. O cenário foi o centro cirúrgico de um Hospital Federal situado no Município do Rio de Janeiro. Resultados: O processo de implementação da lista ainda não está implantado de forma sistemática e consistente; constatou-se a necessidade de implementação da lista em todos os procedimentos cirúrgicos, onde destaca-se as responsabilidades dos líderes e gestores na adoção de processo para cirurgia segura. Considerações finais: Foi evidenciada a importância atribuída à implementação da lista de verificação de cirurgia segura, considerada como estratégia para melhoria da segurança do paciente e minimização de erros.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Article Details

Como Citar
1.
Pimentel L dos S, Gomes LB, La Cava AM, Motta DLB. Safe surgery – analysis of the implementation of the checklist by Swot matrix / Cirurgia segura – análise da implementação da lista de verificação através da matriz SWOT. R. pesq. cuid. fundam. online [Internet]. 1º de maio de 2021 [citado 21º de janeiro de 2022];12:1022-9. Disponível em: http://seer.unirio.br/cuidadofundamental/article/view/7454
Seção
Research
Biografia do Autor

Laryssa dos Santos Pimentel, Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (UNIRIO)

Segurança do Paciente. Enfermagem.

Luiza Bonfim Gomes, Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (UNIRIO)

Segurança do Paciente. Enfermagem.

Angela Maria La Cava, Escola de Enfermagem Alfredo Pinto (UNIRIO)

Departamento Materno-Infantil (UNIRIO). Enfermagem.

Deise Luci Batista Motta, Hospital Federal dos Servidores do Estado do Rio de Janeiro (HFSE)

Núcleo de Segurança do Paciente. Enfermagem.

Plum Analytics

Referências

Ministério da Saúde (BR). Segurança do Paciente. Brasília: Ministério da Saúde, Available from: http://portalms.saude.gov.br/index.php/o-ministerio/principal/secretarias/sas/dahu/seguranca-do-paciente

Milagres LM. Gestão de riscos para segurança do paciente: o enfermeiro e a notificação dos eventos adversos. Dissertation. Juiz de Fora: Universidade Federal de Juiz de Fora – UFJF; 2015. Available from: http://www.ufjf.br/pgenfermagem/files/2010/05/Disserta%C3%A7%C3%A3o-Lidiane-Miranda-Milagres.pdf

Organização Mundial da Saúde (OMS). Segundo desafio global para a segurança do paciente: Cirurgias seguras salvam vidas. Rio de Janeiro: Organização Pan-Americana da Saúde. Ministério da Saúde; Agência Nacional de Vigilância Sanitária, 2009. Available from: https://www20.anvisa.gov.br/segurancadopaciente/index.php/publicacoes/item/manual-cirurgias-seguras-salvam-vidas

Segurança do Paciente. . Seis metas internacionais de Segurança do Paciente. Available from: https://segurancaemsaude.wordpress.com/2012/11/25/seis-metas-internacionais-de-seguranca-do-paciente/

Organização Mundial da Saúde (OMS). Manual de Implementação Lista de Verificação de Segurança Cirúrgica da OMS 2009. Agência Nacional de Vigilância Sanitária, 2014.20 p. Available from: http://apps.who.int/iris/bitstream/10665/44186/71/9789241598590_por.pdf

Ministério da Saúde. Anexo 03: PROTOCOLO PARA CIRURGIA SEGURA. Ministério da Saúde/ ANVISA/ Fiocruz, 2013. Available from: https://www20.anvisa.gov.br/segurancadopaciente/index.php/publicacoes/item/protocolo-de-cirurgia-segura

Mafra CR, Rodrigues MCS. Lista de verificação de segurança cirúrgica: Uma revisão integrativa sobre benefícios e sua importância. Rev Fund Care Online. 2018; 10(1) :268-275. DOI: http://dx.doi.org/10.9789/2175-5361.2018.v10i1.268-275. Disponivel em: www.seer.unirio.br/index.php/cuidadofundamental/article/download/5038/pdf_1

Joint Commission International. Padrões de Acreditação da Joint Commission International para Hospitais. Consórcio Brasileiro de Acreditação de Sistemas e Serviços de Saúde – Rio de Janeiro: CBA, 2014.

Valim A, Guidinelli ACIP, Gonçalves C, Malavoti J, Vital L, Pedroni L. O modelo swot. Available from: http://www.administradores.com.br/producao-academica/analise-swot/3060/download/.

Silva TCF. Eixo temático: ensino e pesquisa. Análise swot potencializando as ações de planejamento do enfermeiro. COFEN. Available from: http://apps.cofen.gov.br/cbcenf/sistemainscricoes/arquivosTrabalhos/I16002.E8.T3853.D4AP.pdf

Pancieri AP, Santos BP, Avila MAG, Braga EM. Checklist de cirurgia segura: análise da segurança e comunicação das equipes de um hospital escola. Rev Gaúcha Enferm. 2013;34(1):71-78. Available from: http://www.scielo.br/pdf/rgenf/v34n1/09.pdf

Freitas MR, Antunes AG, Lopes BNA, Fernandes FC, Monte LC, Gama ZAS. Avaliação da adesão ao checklist de cirurgia segura da OMS em cirurgias urológicas e ginecológicas, em dois hospitais de ensino de Natal, Rio Grande do Norte, Brasil. Cad. Saúde Pública, Rio de Janeiro, 30(1):137-148, jan, 2014. Available from: http://www.scielo.br/pdf/csp/v30n1/0102-311X-csp-30-01-00137.pdf

Ministério da Saúde - MS Agência Nacional de Vigilância Sanitária – ANVISA Este texto não substitui o(s) publicado(s) em Diário Oficial da União RESOLUÇÃO DE DIRETORIA COLEGIADA - RDC Nº 36, DE 25 DE JULHO DE 2013 (Publicada em DOU nº 143, de 26 de julho de 2013) http://portal.anvisa.gov.br/documents/10181/2871504/RDC_36_2013_COMP.pdf/36d809a4-e5ed-4835-a375-3b3e93d74d5e

Martins GS, Carvalho R. Realização do timeout pela equipe cirúrgica: facilidades e dificuldades. Rev. SOBECC, São Paulo. jan./mar. 2014; 19(1): 18-25. Disponível: http://www.sobecc.org.br/arquivos/artigos/2015/pdfs/site_sobecc_v19n1/04_sobecc_v19n1.pdf

Organização Mundial de Saúde (OMS), Conferência Pan-Americana da Saúde da Organização Pan- Americana de Saúde (OPAS). Quality of care: patient safety. Fifty-Fifth World Health Assembly. Available from: http://apps.who.int/gb/archive/pdf_files/WHA55/ewha5518.pdf?ua=1