EPIDEMIOLOGICAL PROFILE OF ELDERLY WOMEN WITH OSTEOPOROSIS AND RISK FOR OSTEOPOROSIS: SCREENING IN NURSING PRACTICE

Mirian da Costa Lindolpho., Liliane Pinheiro de Mello, Geilsa Soraia Cavalcanti Valente., Selma Petra Chaves Sá., Vanice Gomes, Miriam Marinho Chrisostimo.

Resumo


Objetivo: Traçar o perfil epidemiológico das idosas com diagnóstico de osteoporose e das que apresentam risco para osteoporose pertencentes ao Programa de Extensão: A Enfermagem na Atenção à Saúde do Idoso e Seus Cuidadores. Metódo: Pesquisa documental, abordagem quantitativa; realizada abril à julho 2009. Resultados: Das 18 idosas com osteoporose, 33% raça branca, 22% recebem 2 salários, 83% não possuem histórico familiar de osteoporose, 39% não usam medicamentos que aumentam massa óssea, 28% usando medicamentos e/ou atividades que contribui perda óssea. Das 28 idosas com risco de osteoporose, 60% raça branca, 18% recebem 2 salários, 65% não possuem  histórico familiar de osteoporose, 82% não usam medicamentos que aumentam massa óssea, 52% usando medicamentos e/ou atividades que contribuem perda óssea, 11% possuem doenças associadas perda óssea. Conclusão: Verificou a importância do conhecimento do perfil da clientela, no melhor direcionando a consulta de enfermagem  na promoção da saúde e prevenção à osteoporose.


Palavras-chave


osteoporose; idosos; enfermagem.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.9789/2175-5361.2011.v3i4.2509-2517 

Article Metrics

Metrics Loading ...

Metrics powered by PLOS ALM


Direitos autorais 2019 Revista de Pesquisa: Cuidado é Fundamental Online

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

Novas regras para submissão de artigos na RPCFO a partir de 01/07/2018. Clique aqui.

O atendimento telefônico da secretaria funciona de 06:00 as 09:00, de segunda a sexta feira.

 

        

Crossref Metadata User Badge
SCImago Institutions Rankings