Formação para o cuidado integral: percepção de docentes e discentes de Enfermagem Training for integral care: perception of Nursing teachers and students

Rosiane Filipin Rangel, Regina Gema Santini Costenaro, Silomar Ilha, Cláudia Zamberlan, Hedi Crecencia Heckler de Siqueira, Dirce Stein Backes

Resumo


Objetivo: Conhecer como os docentes e discentes de um curso de graduação em enfermagem percebem a abordagem do cuidado integral/integralidade no processo de ensino-aprendizagem. Métodos: Pesquisa exploratório-descritiva, de abordagem qualitativa, realizada com sete docentes e seis discentes do Curso de Enfermagem de uma Instituição de Ensino Superior do Rio Grande do Sul. Os dados coletados, por meio da técnica de grupo focal, foram submetidos à análise de conteúdo na modalidade temática. Resultados: A análise dos dados possibilitou a construção da síntese coletiva de um grande tema: Formação do enfermeiro para o cuidado integral/integralidade, do qual se originaram dois subtemas: Permitindo a transformação: a formação do enfermeiro pela ótica dos discentes; Formando para a (des) organização: a formação do enfermeiro pela ótica dos docentes. Conclusão: Considera-se essencial ampliar o cuidado integral/integralidade no processo de ensino-aprendizagem, a partir dos primeiros semestres.


Palavras-chave


Assistência à saúde, Assistência integral à saúde, Ensino, Enfermagem.

Texto completo:

PDF-EN PDF-PT


DOI: http://dx.doi.org/10.9789/2175-5361.2017.v9i2.488-494 

Article Metrics

Metrics Loading ...

Metrics powered by PLOS ALM


Direitos autorais 2019 Revista de Pesquisa: Cuidado é Fundamental Online

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

Novas regras para submissão de artigos na RPCFO a partir de 01/07/2018. Clique aqui.

O atendimento telefônico da secretaria funciona de 06:00 as 09:00, de segunda a sexta feira.

 

        

Crossref Metadata User Badge
SCImago Institutions Rankings