Um estudo sobre a amizade como estratégia pedagógica: o significado dado por estudantes de medicina A study on friendship as educational strategy: its meaning by medical students

Terezinha de Souza Agra Belmonte, Ricardo Luiz Ramos, Felismina Rosa Parreira Mendes, Antônio Carlos Ribeiro Garrido Iglesias

Resumo


Objetivo: Diagnosticar a Amizade como estratégia didática. Métodos: Estudo qualitativo exploratório e descritivo. Questão norteadora: o que é Amizade e um professor amigo? Resultados: A sala de aula, Medicina Psicossomática, 2015 / 2º Semestre; 16 alunos brancos, no 6º, 7º e 8º períodos da medicina; 2, segunda graduação; 12 sexo feminino /4 masculino; idade média +/-25 anos; a maioria, 2 irmãos; provenientes sudeste e centro oeste; 3 casados; 2 com filhos. A Amizade, característica da essência humana, comunicação dos significados do corpo sensível. Os alunos pensam o professor, realizador do seu querer. Conclusão: As atividades pedagógicas na educação, formação e ação na saúde precisam incluir o sentir e o querer dos discentes. Os docentes necessitam competências da espiritualidade humana.


Palavras-chave


amizade; medicina psicossomática; andragogia

Texto completo:

PDF-EN PDF-PT


DOI: http://dx.doi.org/10.9789/2175-5361.2017.v9i3.803-810 

Article Metrics

Metrics Loading ...

Metrics powered by PLOS ALM


Direitos autorais 2019 Revista de Pesquisa: Cuidado é Fundamental Online

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

Novas regras para submissão de artigos na RPCFO a partir de 01/07/2018. Clique aqui.

O atendimento telefônico da secretaria funciona de 06:00 as 09:00, de segunda a sexta feira.

 

        

Crossref Metadata User Badge