ACCESSION OF INDIVIDUALS TO HEMODIALYSIS THERAPY

Margrid Beuter, Luana Rodrigues Muller, Cecília Maria Brondani, Macilene Regina Pauletto, Arlete Maria Brentano Timm, Nara Marilene Oliveira Girardon-Perlini

Resumo


Objetivo: analisar os indicadores de adesão relacionados com o perfil sociodemográfico de indivíduos submetidos ao tratamento hemodialítico. Método: pesquisa quantitativa realizada com 56 indivíduos em hemodiálise numa clínica renal no interior do Rio Grande do Sul. Os dados foram coletados por meio de questionário e consulta ao prontuário, nos meses de agosto e setembro de 2008. Resultados: os indivíduos casados com idade acima de 60 anos, analfabetos, ou ensino fundamental incompleto, com tempo de tratamento entre um a cinco anos adotaram maior quantidade de indicadores de adesão; indivíduos com renda superior a cinco salários mínimos aderiram a menos indicadores. Conclusão: Existem vários fatores envolvidos na adesão ao tratamento hemodialítico agindo de forma inter-relacionada. Cada indivíduo segue o tratamento de forma única e singular, influenciado por inúmeros fatores adquiridos ao longo da vida. Essas particularidades condicionam a resposta ao tratamento e devem ser entendidas pelos profissionais de saúde.

Palavras-chave


enfermagem; insuficiência renal; diálise renal; cooperação do paciente

Texto completo:

PDF-EG PDF-PT


DOI: http://dx.doi.org/10.9789/2175-5361.2013.v5i2.3558-3566 

Article Metrics

Metrics Loading ...

Metrics powered by PLOS ALM


Direitos autorais 2019 Revista de Pesquisa: Cuidado é Fundamental Online

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

SCImago Institutions Rankings

 

  

 

Novas regras para submissão de artigos na RPCFO a partir de 01/07/2018. Clique aqui.