The psychosocial repercussions of cranioencephalic trauma caused by motorcycle accidents / Repercussões psicossociais do traumatismo crânioencefálico causado por acidente motociclístico

Tatiane Oliveira de Souza Constâncio, Roseane Montragil Rocha, Adriana Alves Nery, Jocinei Ferreira Constâncio

Resumo


Objetivo: Descrever as repercussões psicossociais do Traumatismo Crânioencefálico causado por acidente motociclístico. Métodos: Tratou-se de uma pesquisa descritiva, com recorte longitudinal, de abordagem qualitativa, do tipo estudo de caso. Foram aplicados instrumentos, realizada entrevista semiestruturada e observação no domicílio da paciente. Os dados foram analisados por meio da triangulação, buscando-se linhas de convergência entre os mesmos e interpretados através da análise de conteúdo temática. Resultados: Foram apresentados a partir da transcrição da entrevista, posteriormente, agruparam-se os conteúdos por similaridades de significados e desvelaram-se as categorias: “Repercussões psicossociais: dualidade do sim e do não”; “Ressignificação da maternidade” e “(Re)valorização da vida”. Conclusão: Ficou evidenciado que a paciente não teve nenhuma repercussão ou sequela funcional. Entretanto, percebeu-se que nem sempre as repercussões de um acidente motocilístico são visíveis, pelo contrário, as ‘marcas’ invisíveis se fazem presentes e, por vezes, são difíceis de serem percebidas pelas vítimas e seus familiares.


Palavras-chave


Acidentes de trânsito; Gestantes; Motocicletas; Traumatismos Crânioencefálicos.

Texto completo:

PDF-EN PDF-PT

Referências


Françoso LA, Coates V. Repercussões sociais das sequelas físicas em adolescentes vítimas de acidentes de trânsito. Adolesc Saúde. [periódico na Internet]. 2008 mar [acesso em 2017 Jul 25]; 5(1) [aproximadamente 8 p.]. Available at:. 2. Rocha GS, Schor N. Acidentes de motocicleta no município de Rio Branco: caracterização e tendências. Ciênc saúde coletiva. [periódico na Internet]. 2013 [acesso em 2017 Jul 28]; 18 (3): 721-31. Available at: . 3. Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Vigilância em Saúde. Departamento de Análise de Situação em Saúde. Mortalidade por acidentes de transporte terrestre no Brasil. Brasília(DF): Ministério da Saúde; 2007. 4. Klein AM, Howell K, Vogler J, Grill E, Straube A, Bender A. Rehabilitation Outcome of Unconscious Traumatic Brain Injury Patients. J neurotrauma. [periódico na Internet] 2013 Sep [acesso em 2017 Jul 28]; 30(17):1476-83. Available at: < https://www.ncbi.nlm.nih. gov/pubmed/23477301>. 5. Gaudêncio TG, Leão GM. A epidemiologia do traumatismo crânioencefálico: um levantamento bibliográfico no Brasil. Rev neurociênc. [periódico na Internet]. 2013 [acesso em 2017 Jun 29]; 21(3): 427-34. Available at: . 6. Mesquita Filho M. Acidentes de trânsito: as consequências visíveis e invisíveis à saúde da população. Revista Espaço Acadêmico [periódico na Internet]. 2012 jan [acesso em 2017 Jun 29]; 11(128): 148-57. Available at: < http://www.periodicos.uem.br/ojs/index.php/ EspacoAcademico/article/view/13630> 7. Triviños ANS. Introdução à pesquisa em ciências sociais: a pesquisa qualitativa em educação. 1ª ed. 19ª. reimpr. São Paulo (SP): Atlas; 2010. 8. Turato ER. Tratado da metodologia da pesquisa clínico-qualitativa: construção teórico-epistemológica, discussão comparada e aplicação nas áreas da saúde e humanas. 5 ed. Petrópolis (RJ): Vozes; 2011. 9. Lüdke M, Andre MEA. Pesquisa em educação: abordagens qualitativas. 2ª ed. São Paulo (SP): E.P.U.; 2014. 10. Yin RK. Estudo de caso: planejamento e métodos. 4ª ed. Porto Alegre (RS): Bookman; 2010.

Shukla D, Devi ABI, Agrawal A. Outcome measures for traumatic brain injury. Clin Neurol Neurosurg. [periódico na Internet] 2011 Jul [acesso em 2017 Mai 08]; 113(6): 435-41. Available at: . 12. Pereira N, Kochhann R, Zimmermann N, Fonseca RP. Mini-Exame do Estado Mental na avaliação neuropsicológica pós-TCE: aplicabilidades. Diaphora - Revista da Sociedade de Psicologia do Rio Grande do Sul. [periódico na Internet] 2013 ago/dez [acesso em 2017 Mai 08]; 12(2):58-3. Available at: . 13. Kochhann R, Varela JS, Lisboa CSM, Chaves MLF. The Mini Mental State Examination review of cutoff points adjusted for schooling in a large southern Brazilian sample. Dement Neuropsychol. [periódico na Internet] 2010 jan/mar [acesso em 2017 Jul 30]; 4(1):35-1, 2010. Available at: 14. Minayo MCS. O desafio do conhecimento: pesquisa qualitativa em saúde. 12ª ed. São Paulo (SP): Hucitec; 2010. 15. Gawryszewski VP, Coelho HMM, Scarpelini S, Zan R, Mello Jorge MHP, Rodrigues EMS. Perfil dos atendimentos a acidentes de transporte terrestre por serviços de emergência em São Paulo, 2005. Rev. Saúde Pública. [periódico na Internet]. 2009 [acesso em 2017 Jun 13]; 43(2):275-82. Available at: 16. Mello Jorge MHP, Koizumi MS. Sequelas visíveis de acidentes de trânsito: primeiros dados brasileiros. Rev Abramet. [periódico na Internet]. 2012[acesso em 2017 Jul 01]; 29(1):36-5. Available at: . 17. Santos DF, Comassetto I, Magalhães APN, Faro ACM, Moreira RTF, Souza EM. A vivência do familiar cuidador da vítima de acidente de trânsito com incapacidade funcional. Rev enferm UFPE on line. [periódico na Internet]. 2015 jan [acesso em 2017 Jun 01]; 9(9):343-50. Available at: . 18. Cavalcante FG, Morita PA, Haddad SR. Sequelas invisíveis dos acidentes de trânsito: o transtorno de estresse pós-traumático como problema de saúde pública. Ciênc saúde coletiva. [periódico na Internet]. 2009 nov/dez [acesso em 2017 Jun 15];14(5):1763-72. Available at: . 19. Menezes JNR, Mota LA, Sanots ZMSA, Frota MA. Repercussões psicossociais do Acidente Vascular Cerebral no contexto da família de baixa renda. Rev bras promoç saúde. [periódico na Internet]. 2010 out/dez [acesso em 2017 Jun 14]; 23(4): 343-48. Available at: . 20. Guimarães HP, Avezum A. O impacto da espiritualidade na saúde física. Rev psiquiatr clín. [periódico na Internet]. 2007 [acesso em 2017 Jun 14] 34:88-4. Available at: < http://dx.doi.org/10.1590/S010160832007000700012>.




DOI: http://dx.doi.org/10.9789/2175-5361.rpcfo.v11.6718 

Article Metrics

Metrics Loading ...

Metrics powered by PLOS ALM


Direitos autorais 2019 Revista de Pesquisa: Cuidado é Fundamental Online

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

Novas regras para submissão de artigos na RPCFO a partir de 01/07/2018. Clique aqui.

O atendimento telefônico da secretaria funciona de 06:00 as 09:00, de segunda a sexta feira.

 

        

Crossref Metadata User Badge
SCImago Institutions Rankings